Porto Alegre, quinta-feira, 24 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 24 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Agronegócios

- Publicada em 03h00min, 16/07/2020.

Fundesa indeniza produtores de leite

Conselheiros do Fundo de Desenvolvimento e Defesa Sanitária Animal do Estado aprovaram, nesta quarta-feira, as contas relativas ao primeiro semestre de 2020. O saldo total é de R$ 94,5 milhões. Nos primeiros seis meses do ano, a receita foi de R$ 6,9 milhões, entre contribuições de produtores e indústrias e rendimentos financeiros. Os investimentos, que vão desde indenizações de produtores até aquisição de insumos para o Serviço Veterinário Oficial, chegaram a R$ 3,9 milhões no período.
Conselheiros do Fundo de Desenvolvimento e Defesa Sanitária Animal do Estado aprovaram, nesta quarta-feira, as contas relativas ao primeiro semestre de 2020. O saldo total é de R$ 94,5 milhões. Nos primeiros seis meses do ano, a receita foi de R$ 6,9 milhões, entre contribuições de produtores e indústrias e rendimentos financeiros. Os investimentos, que vão desde indenizações de produtores até aquisição de insumos para o Serviço Veterinário Oficial, chegaram a R$ 3,9 milhões no período.
O destaque da aplicação de valores no primeiro semestre de 2020 foi a indenização de produtores de leite. O Fundesa vem estimulando o setor a promover o saneamento dos rebanhos, eliminando animais portadores de brucelose e tuberculose, garantindo mais saúde para a população e qualidade do produto. Com isso, a indenização chegou a R$ 3,3 milhões cobrindo 2106 animais nos primeiros seis meses do ano.
Outro investimento foi a reforma de algumas inspetorias veterinárias da Secretaria da Agricultura. Na sexta-feira foi concluída a reforma da unidade de Santana do Livramento que passou por melhorias internas, externas e estruturais. Em 2019 foram reformadas 12 inspetorias e em 2020, além de Livramento, outras unidades poderão receber melhorias. Os números são apreciados a cada trimestre pelo Conselho Deliberativo, composto por nove entidades ligadas ao setor produtivo. O resultado é disponibilizado no site do fundo e encaminhado às secretarias estaduais da Fazenda e da Agricultura, Assembleia Legislativa e ao Tribunal de Contas e Controladoria e Auditoria Geral do Estado (Cage).
 
Comentários CORRIGIR TEXTO