Porto Alegre, sábado, 25 de julho de 2020.
Dia do Escritor. Dia do Motorista .

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 25 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Mercado de Capitais

- Publicada em 03h02min, 02/10/2019. Atualizada em 03h00min, 02/10/2019.

Telebras fará aumento de capital de R$ 1,512 bilhão

A Telebras fará um aumento de capital com subscrição privada de ações da União, sua controladora, com o saldo de Adiantamentos para Futuro Aumento de Capital (Afac). O valor do aumento do capital social proposto é de R$ 1.512.721.997,90.
A Telebras fará um aumento de capital com subscrição privada de ações da União, sua controladora, com o saldo de Adiantamentos para Futuro Aumento de Capital (Afac). O valor do aumento do capital social proposto é de R$ 1.512.721.997,90.
"Os recursos a serem capitalizados foram transferidos à Telebras pela União face à incumbência da Telebras na implementação do Programa Nacional de Banda Larga - PNBL e do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicação Estratégica - SGDC, com o objetivo de fomentar e difundir o uso e o fornecimento de bens e serviços de tecnologias de informação e comunicação, promovendo cada vez mais a inclusão social e econômica através do acesso à internet no País", diz a proposta da administração para a assembleia sobre o tema, convocada para o dia 31 de outubro.
Serão emitidas 10.184.492 ações ordinárias e 8.074.780 preferenciais, a serem subscritas integralmente pela União, com direito de preferência aos atuais acionistas.
No caso dos acionistas que optarem por não exercer o direito de preferência na subscrição das ações emitidas, a diluição potencial resultante do aumento de capital será de 20,5925% para as ações ordinárias e de 43,8668% para as ações preferenciais.
 
Comentários CORRIGIR TEXTO