Porto Alegre, domingo, 26 de julho de 2020.
Dia dos Avós.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
domingo, 26 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

investimentos

- Publicada em 17h37min, 30/08/2019. Atualizada em 17h37min, 30/08/2019.

Economia: PPA 2020/23 só traz investimentos que caibam no teto de gastos

Os investimentos prioritários incluídos no Plano Plurianul 2020-2023 compõem uma carteira de cerca de R$ 16,7 bilhões, disse o secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues Junior. O valor representará uma média de R$ 4,2 bilhões ao ano.
Os investimentos prioritários incluídos no Plano Plurianul 2020-2023 compõem uma carteira de cerca de R$ 16,7 bilhões, disse o secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues Junior. O valor representará uma média de R$ 4,2 bilhões ao ano.
Como mostrou o Broadcast, em um momento de forte restrição fiscal, a equipe econômica optou por estabelecer critérios rígidos para filtrar os investimentos que integram o PPA e conseguir direcionar recursos para obras que estão mais próximas da entrega.
Para serem incluídos na lista, os investimentos precisam estar em fase de execução avançada (mais de 20% do custo total), ter previsão de conclusão até 2023 e estar livres de pendências (como obtenção de licenciamento), ou resolvê-las até 2020.
"Só podemos nos comprometer com a carteira de investimentos que cabe no teto de gastos nos próximos quatro anos", afirmou o secretário de Avaliação de Políticas Públicas, Planejamento, Energia e Loterias do Ministério da Economia, Alexandre Manoel.
Com essa metodologia, 30 investimentos nas áreas de infraestrutura, defesa nacional, segurança pública, recursos hídricos, saúde e educação infantil foram incluídos no PPA (confira a lista no fim do texto). O que não entrou no PPA poderá ser contemplado nos anexos dos Orçamentos de cada ano, conforme disponibilidade.
No PPA, o governo federal vai priorizar 66 programas, objetivos e metas. Até hoje considerado uma mera carta de intenções do governo, para a qual não havia garantia de execução, o plano ganhou uma nova roupagem para ficar mais enxuto e, ao mesmo tempo, próximo da realidade fiscal do País.
A equipe econômica também vai integrar ao PPA o trabalho de avaliação e monitoramento dos programas. Um relatório anual será encaminhado ao Congresso Nacional apontando se o gasto está trazendo o retorno esperado ou se poderia ser revisto.
Segundo Alexandre Manoel, no futuro o objetivo é instalar uma "sala de situação" na Casa Civil para monitorar o andamento dos programas, o cumprimento das metas e a evolução dos indicadores.
Confira a lista dos investimentos prioritários do PPA:
- BR-101/AL - Adequação - Divisa AL/PE - Divisa AL/SE
- BR-101/BA - Adequação - Divisa SE/BA - Entr. BR-324
- BR-116/RS - Adequação - Eldorado do Sul - Pelotas
- BR-163/MT - Adequação - Rondonópolis - Cuiabá - Posto Gil
- BR-163/PA - Construção - Divisa MT/PA - Santarém
- BR-163/PR - Adequação - Cascavel - Guaíra
- BR-163/PR - Adequação Entr. BR-277 - Cascavel - Marmelândia
- BR-280/SC - Adequação - S. Francisco do Sul - Jaraguá do Sul
- BR-381/MG - Duplicação - Gov. Valadares - Belo Horizonte
- BR-470/SC - Adequação - Navegantes - Rio do Sul
- Construção da ferrovia de Integração Oeste-Leste - FIOL (Ilhéus/BA - Barreiras/BA) - EF 334
- Construção da Segunda Ponte sobre o Rio Guaíba - nas BRs 116/290/RS
- Porto de Pecém - Acesso Rodoviário - BR-222/CE
- Construção de Fonte de Luz Síncrotron de 4ª geração - SIRIUS
- Expansão das Instalações Física e Laboratorial do LNNano,
- Implantação de Infraestrutura para os Projetos Norte e Nordeste Conectados
- Desenvolvimento de Submarinos Convencionais e Nuclear
- Programa Estratégico ASTROS 2020
- Programa Estratégico do Exército Guarani
- Programa Nuclear da Marinha
- Projeto FX-2 -Aquisição de Aeronaves de Caça e Sistemas Afins
- Projeto KC-390
- Projeto KC-X
- Construção do Centro de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde - CDTS
- Construção do Centro de Processamento Final de Imunobiológicos no Estado do Rio de Janeiro
- Construção do Sistema Adutor Ramal do Agreste Pernambucano
- Integração do Rio São Francisco com as Bacias do Nordeste Setentrional (Eixo Leste)
- Projeto de Integração do Rio São Francisco com Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional - EIXO
- Construção da Penitenciária Federal em Charqueadas/RS
- Construção do Centro Nacional de Capacitação e Difusão de Ciências Forenses
Comentários CORRIGIR TEXTO