Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 13 de agosto de 2019.
Dia do Economista .

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

consumo

13/08/2019 - 11h48min. Alterada em 13/08 às 11h48min

Consumo de bens industriais cai 0,5% em junho, diz Ipea

Os bens de consumo duráveis tiveram queda de 4,6%

Os bens de consumo duráveis tiveram queda de 4,6%


JOSÉ CRUZ/ABR/JC
Agência Brasil
O consumo de bens industriais no Brasil caiu 0,5% em junho, na comparação com maio, divulgou nesta terça-feira (13) o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).
O consumo de bens industriais no Brasil caiu 0,5% em junho, na comparação com maio, divulgou nesta terça-feira (13) o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).
O Indicador Aparente de Bens Industriais do Ipea mede a demanda por produtos da indústria brasileira e por bens industriais importados. A demanda por bens industriais produzidos no país aumentou 0,2% em junho, enquanto o consumo de importados caiu 1,6%. 
Com o resultado de junho, o segundo trimestre (abril, maio e junho) teve alta de 0,7% em relação ao primeiro trimestre, mas caiu 1,6% em relação ao mesmo período do ano passado. 
A pesquisa também distingue as categorias econômicas dos bens industriais e aponta que houve alta de 0,5% na demanda por bens de capital em relação a maio. Já os bens de consumo duráveis tiveram queda de 4,6%.
Dos 22 segmentos da indústria, foi registrada alta de demanda em oito, com destaque para produtos de metal e farmoquímicos. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia