Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 12 de agosto de 2019.
Dia Nacional da Juventude .

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

infraestrutura

12/08/2019 - 16h11min. Alterada em 12/08 às 20h28min

Bolsonaro libera trecho da BR-116 e anuncia R$ 100 milhões para duplicação da rodovia

Presidente visitou trecho da rodovia executado pelo Exército em Barra do Ribeiro

Presidente visitou trecho da rodovia executado pelo Exército em Barra do Ribeiro


FOTOS MARCO QUINTANA/JC
Bruna Oliveira, de Barra do Ribeiro
Na segunda visita ao Rio Grande do Sul desde que assumiu a presidência do Brasil há oito meses, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) veio ao Estado nesta segunda-feira (12) para a liberar trecho de 47 quilômetros duplicados da BR-116, em Pelotas. Durante a cerimônia, que teve discursos de autoridades e descerramento de placa na beira da estrada, o presidente anunciou a liberação de mais R$ 100 milhões para o prosseguimento da duplicação de 55 quilômetros da rodovia entre Guaíba e Pelotas.
Na segunda visita ao Rio Grande do Sul desde que assumiu a presidência do Brasil há oito meses, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) veio ao Estado nesta segunda-feira (12) para a liberar trecho de 47 quilômetros duplicados da BR-116, em Pelotas. Durante a cerimônia, que teve discursos de autoridades e descerramento de placa na beira da estrada, o presidente anunciou a liberação de mais R$ 100 milhões para o prosseguimento da duplicação de 55 quilômetros da rodovia entre Guaíba e Pelotas.
Os primeiros quilômetros de duplicação liberados hoje ficam entre Pelotas e Turuçu, na Zona Sul do Estado. A duplicação da rodovia já dura pelo menos sete anos e é demanda antiga dos gaúchos, considerada fundamental para o escoamento da produção até o porto do Rio Grande e também para desafogar o trânsito na região.
Do Sul do Estado, Bolsonaro seguiu para Barra do Ribeiro, onde outro trecho de duplicação da rodovia está sendo executado pelo Exército Brasileiro desde fevereiro deste ano. Os militares do 1º Batalhão Ferroviário de Lages são responsáveis pela conclusão de 50,8 quilômetros dos lotes 1 e 2 da duplicação.   
O trabalho da corporação, que conta com efetivo de cerca de 200 homens trabalhando na pista, foi destacado pelo presidente. "O Exército Brasileiro está presente em todo o governo nacional e agora tem um governo que, além de prestigiar o Exército, dá cada vez mais meios para que eles possam colaborar no desenvolvimento e na integração do Brasil", complementou Bolsonaro.
"Estamos nesta obra fazendo um trabalho de qualidade e que será entregue antes do prazo. A população pode confiar no seu exército, e estamos aqui para preservar vidas", disse o general Geraldo Antônio Miotto, à frente do Comando Militar do Sul, durante coletiva de imprensa às margens da BR-116. A execução de novos lotes pelo batalhão depende de negociações com o governo federal e o Dnit. "Se tivermos condições, vamos abraçar", afirmou Miotto.
O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, afirmou que, terminada a duplicação, o governo deve pensar na gestão da rodovia. "Estamos estudando com o BNDES uma concessão, a exemplo do que foi feito com a Rodovia de Integração do Sul, que pegaria o trecho de Camaquã a Porto Alegre e também a BR-290, em outra concessão para Eldorado do Sul a Pantano Grande", disse Freitas.

Bolsonaro diz que vai acabar com os radares móveis

{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/08/12/206x137/1_mq120819_bolsonaro359-8806378.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5d51beceb0d34', 'cd_midia':8806378, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/08/12/mq120819_bolsonaro359-8806378.jpg', 'ds_midia': 'Presidente Jair Bolsonaro vistoria obras de duplicação da BR-116. ', 'ds_midia_credi': 'MARCO QUINTANA/JC', 'ds_midia_titlo': 'Presidente Jair Bolsonaro vistoria obras de duplicação da BR-116. ', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '533', 'align': 'Left'}

'O uso não está sendo adequado, e por isso está suspenso até segunda ordem', disse Bolsonaro sobre radares móveis

O presidente Jair Bolsonaro voltou a afirmar nesta segunda-feira (12) que pretende acabar com os radares móveis no País. De acordo com o presidente, a medida deve começar a valer já na semana que vem. As estradas são fiscalizadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).
"O uso não está sendo adequado, e por isso está suspenso até segunda ordem. Chega de estudioso e especialista que só fazem assaltar o contribuinte", afirmou Bolsonaro. A determinação foi anunciada pelo presidente durante coletiva em Barra do Ribeiro, onde ocorrem obras de duplicação da BR-116. Mais cedo, Bolsonaro já havia comentado o caso durante evento de deliberação de trechos duplicados da rodovia em Pelotas.
Os radares fixos também estão na mira do presidente. "Estou tentando, também, acabar com os radares fixos, mas estou com problema na Justiça. Aquele que se excede, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) pode parar e aplicar a multa que ele merece, mas não ficar usando isso como caça-níquel no Brasil", concluiu, sem detalhar como seria a fiscalização.

Presidente é ovacionado por admiradores

{'nm_midia_inter_thumb1':'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/08/12/206x137/1_mq120819_bolsonaro147-8806370.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5d51beceb0d34', 'cd_midia':8806370, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/jpg/2019/08/12/mq120819_bolsonaro147-8806370.jpg', 'ds_midia': 'Presidente Jair Bolsonaro vistoria obras de duplicação da BR-116. ', 'ds_midia_credi': 'MARCO QUINTANA/JC', 'ds_midia_titlo': 'Presidente Jair Bolsonaro vistoria obras de duplicação da BR-116. ', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '800', 'cd_midia_h': '533', 'align': 'Left'}

Sob forte chuva, presidente foi saudado por admiradores em Barra do Ribeiro

Bolsonaro foi ovacionado por admiradores nas duas paradas da visita presencial desta segunda-feira. Em Barra do Ribeiro, enquanto a vinda do presidente de Pelotas era aguardada, caminhões buzinavam e eleitores acenavam aos gritos de "mito" próximo ao brete que foi instalado no acostamento da rodovia para o pronunciamento do presidente.
Mesmo sob forte chuva, os admiradores se apertavam nos guarda-chuvas e disputavam espaço para selfies. Quando Bolsonaro chegou ao local, após caminhada do ponto de chegada do helicóptero até o espaço reservado para falar com a imprensa, uma pequena quebra de protocolo aproximou o presidente dos fãs que o aguardavam. Durante o percurso a pé, Bolsonaro ainda subiu em uma das máquinas do Exército e posou para fotos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia