Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 29 de julho de 2019.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Bancos

Alterada em 29/07 às 10h11min

BB vai reorganizar agências e funções, com previsão de plano de desligamento

Banco afirma que o programa será implementado neste segundo semestre e não altera o guidance para 2019

Banco afirma que o programa será implementado neste segundo semestre e não altera o guidance para 2019


MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL/JC
Estadão Conteúdo
O Banco do Brasil anuncia um plano de reorganização institucional que envolve funções e agências. O impacto financeiro do programa será divulgado até o final de agosto. O banco afirma que o programa será implementado neste segundo semestre e não altera o guidance para 2019.
O Banco do Brasil anuncia um plano de reorganização institucional que envolve funções e agências. O impacto financeiro do programa será divulgado até o final de agosto. O banco afirma que o programa será implementado neste segundo semestre e não altera o guidance para 2019.
O conselho de administração aprovou "revisão e redimensionamento da estrutura organizacional" tanto nos níveis estratégico, de direção geral, quanto "tático", que são as superintendências, além das áreas de apoio regional e nas agências.
Para acelerar a transformação digital, será criada a Unidade Inteligência Analítica, voltada a Inteligência Analítica e Inteligência Artificial. Já para obter melhor experiência aos clientes e incrementar a eficiência operacional, serão criadas 42 novas Agências Empresas até outubro, e transformadas 333 agências em Postos de Atendimento Avançado (PAA), ao mesmo tempo em que 49 postos vão virar agências.
Os funcionários serão distribuídos conforme o Programa Adequação de Quadros (PAQ), o qual visa equacionar "as situações de vagas e de excessos nas unidades do Banco", sendo que será oferecido um plano de desligamento incentivado. As condições para tal não foram detalhadas no fato relevante, divulgado nesta segunda-feira, 29, tampouco a quantidade prevista de desligamentos.
"O Banco do Brasil reitera que estas e outras iniciativas se alinham ao propósito de ampliar a competitividade, por meio da transformação digital e do dinamismo do modelo de atendimento e relacionamento", conclui a nota.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia