Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 08 de julho de 2019.
Dia do Padeiro.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Turismo

Edição impressa de 08/07/2019. Alterada em 07/07 às 21h10min

Selo garante investimentos em São Francisco de Paula

Lago São Bernardo é um dos principais atrativos da cidade e deve ganhar banheiros e chimarródromo

Lago São Bernardo é um dos principais atrativos da cidade e deve ganhar banheiros e chimarródromo


/CARLOS ALBERTO ETCHEVERRY/DIVULGAÇÃO/JC
Adriana Lampert
O município gaúcho de São Francisco de Paula recebeu, no início deste mês, o Selo Turismo do governo federal, que permitirá financiamentos de R$ 10 milhões por ano para projetos de obras de infraestrutura turística. Segundo o Ministério do Turismo (MTur), a certificação garante aos gestores locais a solicitação de recursos junto aos bancos de desenvolvimento, dando prioridade às demandas pleiteadas pelo município. "Neste ano, já estamos fechando com o Badesul", antecipa o secretário de Turismo, Cultura e Desporto de São Francisco de Paula, Rafael Castello Costa.
O município gaúcho de São Francisco de Paula recebeu, no início deste mês, o Selo Turismo do governo federal, que permitirá financiamentos de R$ 10 milhões por ano para projetos de obras de infraestrutura turística. Segundo o Ministério do Turismo (MTur), a certificação garante aos gestores locais a solicitação de recursos junto aos bancos de desenvolvimento, dando prioridade às demandas pleiteadas pelo município. "Neste ano, já estamos fechando com o Badesul", antecipa o secretário de Turismo, Cultura e Desporto de São Francisco de Paula, Rafael Castello Costa.
"Estamos muito felizes, porque a cidade está se posicionando cada vez mais como um destino turístico no Estado", comenta Costa. Ele afirma que a verba captada será utilizada em obras de sinalização turística, iluminação e pavimentação da avenida Júlio de Castilhos (principal via da cidade), construção de um centro de eventos e implementação de equipamentos (banheiros e chimarródromo) em torno do lago São Bernardo. Com paisagens que se formam com os diversos tons das folhagens das árvores do entorno, o lago possui uma extensão de 1,9 mil metros. "É um lugar ideal para fazer caminhadas, andar de bicicleta, fazer exercícios ao ar livre ou simplesmente sentar-se em um banco e contemplar paisagem", observa Costa.
"É uma busca de muito tempo. Com esse grande passo que foi dado, vamos abrir as portas do investimento para nossa cidade", completa o prefeito de São Francisco de Paula, Marcos Aguzzolli. O município vinha tentando a certificação desde 2017. Para alcançar, foi preciso cumprir critérios a exemplo de formar conselho de turismo, fóruns de debates e discussões. "Além de nos adequarmos às exigências do MTur, ainda nos mantivemos municiando o governo com informações sobre os novos empreendimentos previstos para reequipar a cidade", comenta o secretário de Turismo de São Francisco de Paulo. "Também elaboramos um plano de ação, com diretrizes focadas no desenvolvimento do setor."
Notícias sobre turismo são importantes para você?
De acordo com o secretário Nacional de Estruturação do Turismo, do MTur, Robson Napier, o Selo Turismo é um apoio importante para o desenvolvimento do setor. "Temos plena certeza de que o certificado dará a oportunidade para o município e os empreendedores investirem em estruturação e serviços turísticos, convertendo isso em emprego e renda para a região", destaca. "É uma nova esperança para o município em termos de desenvolvimento e crescimento do turismo", concorda o prefeito de São Francisco de Paula. O turismo representa a segunda maior economia do município de 20 mil habitantes, que tem no agronegócio sua principal atividade. "Este montante irá fortalecer a economia, além de desenvolver as políticas públicas relacionadas ao setor na região", reforça Aguzzolli.
Com as ações que serão implementadas e desenvolvidas, a expectativa do município é ganhar destaque turístico e se tornar capaz de promover o desenvolvimento sustentável da região, emenda o secretário de Turismo. Segundo ele, o intuito é de que, por meio de políticas públicas e programas voltados ao desenvolvimento integrado de ações, seja possível consolidar as atividades turísticas no âmbito econômico, cultural, social e ambiental.
Na proposta apresentada ao MTur, os gestores de São Francisco de Paula também esperam, com as intervenções que serão feitas, fortalecer a participação da comunidade e ampliar a demanda pelos produtos turísticos da região, além de aumentar o número de empregos, impactando diretamente no crescimento da economia local e regional. Conhecido por suas cachoeiras, cascatas e parques, São Francisco de Paula conta com 1,4 mil leitos para o receptivo de visitantes. Mas, segundo o secretário de Turismo, esse número deve dobrar nos próximos anos. "Neste semestre, iniciam-se as obras de um de dois novos hotéis que irão se instalar na cidade."
Outros atrativos do município são as trilhas em meio à natureza, e a gastronomia local, onde o churrasco de pinhão é um dos destaques. "Recentemente, a Festa do Pinhão recebeu 20 mil turistas em apenas um fim de semana, quando foram vendidos mais de 3 mil pratos (da semente)." Anualmente, a cidade recebe meio milhão de visitantes, que chegam ao destino principalmente no inverno.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia