Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 19 de outubro de 2018.
Dia do Profissional de Informática. Dia da Inovação.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Tecnologia

Edição impressa de 19/10/2018. Alterada em 18/10 às 21h51min

Serra lança movimento inédito pela inovação

Jovens empresas vão desenvolver soluções para problemas apresentados pelas grandes companhias

Jovens empresas vão desenvolver soluções para problemas apresentados pelas grandes companhias


/CLAITON DORNELLES /JC
Patricia Knebel
Empresas de peso como Marcopolo, Randon, Florense e Soprano, além de entidades e universidades da serra gaúcha, anunciaram, nesta quinta-feira, em Caxias do Sul iniciativa inédita para aproximar as grandes corporações das startups e incentivar o perfil empreendedor da região: a Hélice - Movimento pela Inovação.
Este nome foi escolhido, aliás, por representar a ideia de que a iniciativa é colaborativa - em uma hélice todas as pás possuem a mesma importância e saem do mesmo centro, ou seja, o protagonismo é coletivo. Ao se moverem em conjunto, causam transformação, inovam, criam uma força nova.
"Esse projeto surgiu da inquietação de vários atores locais que já estavam realizando as suas iniciativas pela inovação isoladamente e se deram conta dos ganhos que teríamos se passássemos a atuar em conjunto", comenta Grasiela Scheid Tesser, uma das integrantes do movimento.
Apesar da apresentação oficial ter acontecido na quinta-feira, o trabalho já começou há três meses. Durante esse período, a ACE, empresa de investimento em startups e inovação corporativa, fez um levantamento das necessidades das quatro empresas e, a partir daí, passou a fazer um mapeamento de startups em todo Brasil com soluções que pudessem contribuir para resolver esses problemas.
"Somos quatro empresas atuando juntas, expondo nossas dificuldades e necessidades, e aceitando que parte da solução pode estar em startups que vêm apresentando ao mercado o que há de mais aprofundado nas mais diversas soluções", analisa o executivo da Randon, Daniel Martin Ely, que afirma que a Hélice é uma quebra de paradigma.
Deste mapeamento feito pela ACE, surgiram 250 jovens empresas, que depois de seleções mais apuradas se transformaram em 40 e, mais recentemente, 16. A expectativa é que até novembro a ACE escolha de oito a 10 startups, que irão para Caxias do Sul para participar dos pitches para executivos das quatro empresas. Feito isso, se iniciará o processo de contratação. A expectativa é que em março de 2019 já possam ser apresentados os primeiros resultados.
Além de integrar as atividades voltadas para a inovação realizadas atualmente na serra gaúcha e colaborar para que os players locais acelerem a sua transformação, a Hélice também quer apoiar o surgimento e o crescimento das startups locais. Para isso ser possível, já estão programados quatro workshops até março de 2019.
No formato de mentorias lideradas pela ACE, os empreendedores locais e regionais terão a oportunidade de se desenvolver em temas cruciais para o crescimento de suas empresas, como validação, crescimento e gestão.
O primeiro deles vai acontecer na próxima semana e vai abordar o tema da Validação e Prototipação, etapa importante ao longo da jornada empreendedora para qualquer startup, pois é quando são definidos os aspectos básicos para resolver um problema real e que vale a pena ser resolvido. "Esses encontros serão abertos para a comunidade e uma grande oportunidade para os empreendedores locais se capacitarem", destaca Grasiela, que é diretora de Projetos e Inovação da Câmara da Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia