Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 02 de outubro de 2018.
Dia Internacional do Notário.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Tecnologia

Edição impressa de 02/10/2018. Alterada em 02/10 às 09h41min

Oracle chega ao Tecnopuc e quer oxigenar operação

Galvão (e) destacou as sinergias que ocorreram com a chegada da companhia ao espaço na universidade

Galvão (e) destacou as sinergias que ocorreram com a chegada da companhia ao espaço na universidade


LUIZA PRADO/JC
Patricia Knebel
Gigante com 430 mil clientes no mundo e uma oferta robusta de aplicativos em nuvem e serviços de plataforma, a Oracle inaugurou ontem escritório no Tecnopuc. A meta é criar uma sinergia dos projetos da empresa com as rotinas do ecossistema de inovação, que envolve o parque científico e tecnológico da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (Pucrs).
"Queremos oxigenar a nossa operação. Para viver este mundo novo, de transformação, temos que estar dentro de um polo de inovação. Aqui não é a Oracle com a Oracle, é a Oracle com o mundo", destacou o presidente da Oracle Brasil, Rodrigo Galvão. A inauguração contou com a participação do reitor da Pucrs, Ir. Evilázio Teixeira; o vice-reitor, Jaderson Costa da Costa; representantes do setor de tecnologia; estudantes; e colaboradores da companhia.
A Oracle ocupa o segundo andar do Condomínio de Empresas Inovapucrs, espaço sem paredes e próximo a estudantes e pesquisadores ligados à tecnologia e à inovação. Do lado de fora, os detalhes em amarelo do prédio serão pintados de vermelho, cor que é símbolo da multinacional. São cerca de 40 profissionais, que antes ocupavam um escritório na avenida Carlos Gomes, onde ficava a base da operação da companhia no Estado.
A intenção é aproximar a Oracle de outras empresas do setor, principalmente startups, estimulando o intercâmbio constante de conhecimento e interação. "É impressionante perceber as sinergias que ocorreram de 10 dias para cá, quando fizemos o soft opening. Tem coisas que para fazermos em São Paulo ou no Rio de Janeiro, precisamos sair da Oracle para encontrar um ambiente assim. Aqui, a gente desce um andar e nos deparamos com isso", exemplifica Galvão.
Ele ressaltou, ainda, que a transformação que o mundo vive depende de alguns símbolos, e é importante que as pessoas se sintam dentro de um ambiente diferenciado. "O mercado vive uma disrupção, e conseguir aliar essa mudança de cultura com um novo ambiente facilita muito, ainda mais se esse ambiente for dentro da universidade, onde temas como educação e empreendedorismo estão em efervescência", diz. A companhia já está presente em coworkings em cidades como São Paulo e Belo Horizonte, mas essa é a primeira sede dentro de uma universidade.
O superintendente de Inovação e Desenvolvimento da Pucrs, Jorge Audy, destacou que a expectativa do Tecnopuc é trabalhar com a Oracle em duas frentes de atuação. Uma delas é a de pesquisa, nas áreas de Big Data, transformação digital e Smart Cities - com foco em Internet das Coisas (IoT). A outra é a de coworking, desenvolvendo os projetos com as startups. "Vivemos um momento muito feliz com a chegada da Oracle, que é um dos ícones de tecnologia do mundo", relatou.
O diretor do Tecnopuc, Rafael Prikladnicki, acredita que a parceria trará novas oportunidades para pesquisadores, estudantes e empresas. "Esperamos que essa seja uma relação de ousadia, impactos e resultados", prevê. Ele reforçou o alinhamento dessa inauguração com os projetos futuros da Pucrs para a criação de novas startups. "No momento em que trabalhamos cada vez mais a conexão da universidade com o parque para a geração de projetos de inovação em escala, a presença de uma empresa do porte da Oracle contribui muito", diz.
Outro ponto destacado é a chegada da multinacional dentro do contexto da Aliança da Inovação de Porto Alegre, iniciativa que une as mais importantes universidades locais. "A Oracle é a primeira empresa de atuação transnacional que se instala aqui depois da formação da Aliança. É uma notícia importante para o ecossistema do Tecnopuc, mas ainda mais para o contexto da nossa cidade", acredita Audy. A multinacional poderá, dentro das sinergias criadas, acessar todos os recursos e potencial do Zenit (parque da Ufrgs) e do Tecnosinos (Unisinos) a partir do conjunto de projetos que estão sendo desenvolvidos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia