Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 24 de julho de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

varejo

Edição impressa de 24/07/2018. Alterada em 24/07 às 01h00min

Comércio eletrônico espera faturar R$ 2,2 bilhões no Dia dos Pais

Produtos de informática e celulares serão os mais procurados na data

Produtos de informática e celulares serão os mais procurados na data


/MARIANA CARLESSO/JC
O comércio eletrônico deve movimentar R$ 2,2 bilhões no Dia dos Pais, de acordo com previsão da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm). Segundo a entidade, a data, que é considerada uma das mais importantes para o varejo, deve ter um crescimento de 8% quando comparado com o mesmo evento do ano passado.
A entidade estima que cerca de 6,8 milhões de pedidos sejam realizados no período de 16 de julho a 4 de agosto, com um tíquete médio de R$ 329,00. As principais categorias de produtos a serem buscados na data são informática, celulares, eletrônicos, materiais esportivos, moda e acessórios
De acordo com o presidente da ABComm, Mauricio Salvador, a data inicia o calendário de eventos importantes para o varejo no segundo semestre e deve servir como preparação para os lojistas até o fim do ano.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia