Porto Alegre, quarta-feira, 10 de novembro de 2021.
Porto Alegre,
quarta-feira, 10 de novembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

patrimônio

- Publicada em 10/11/2021 às 16h46min.

Celebração marca a reabertura do Arquivo Histórico da Mineração Carbonífera

Espaço, que fica no Museu Estadual do Carvão, em Arroio dos Ratos, passou por restauração

Espaço, que fica no Museu Estadual do Carvão, em Arroio dos Ratos, passou por restauração


Jordana Bortolotti/DIVULGAÇÃO/JC
A Secretaria de Estado da Cultura (Sedac) realiza nesta quinta-feira (11), às 10h30min, em Arroio dos Ratos, a cerimônia de entrega da restauração da sede do Arquivo Histórico da Mineração Carbonífera do complexo Museu Estadual do Carvão. O projeto foi financiado com recursos do Pró-Cultura RS em parceria com o Instituto Histórico e Geográfico do RS e teve patrocínio da Copelmi Mineração Ltda.
A Secretaria de Estado da Cultura (Sedac) realiza nesta quinta-feira (11), às 10h30min, em Arroio dos Ratos, a cerimônia de entrega da restauração da sede do Arquivo Histórico da Mineração Carbonífera do complexo Museu Estadual do Carvão. O projeto foi financiado com recursos do Pró-Cultura RS em parceria com o Instituto Histórico e Geográfico do RS e teve patrocínio da Copelmi Mineração Ltda.
A reforma do espaço, que abriga a coleção de documentos com a história da mineração carbonífera no Rio Grande do Sul, tem como objetivo oferecer melhores condições aos materiais presentes no local.
O projeto orçado em R$ 280 mil incluiu também a qualificação do acesso aos documentos do acervo através da elaboração de novos instrumentos de pesquisa. Isso acontece com o intuito de potencializar as informações e permitir uma divulgação mais ampla para os interessados e para pesquisadores da área.
Participam da cerimônia a secretária de Estado da Cultura, Beatriz Araujo; a diretora do Museu Estadual do Carvão, Jordana Bortolotti; o presidente do Instituto Histórico e Geográfico do Rio Grande do Sul, Miguel Frederico do Espírito Santo, proponente do projeto de restauração; o diretor-superintendente da Copelmi, Carlos Weinschenck de Faria; o vice-prefeito e secretário da Fazenda de Arroio dos Ratos, Paulo Azzi; o assessor especial de Memória e Patrimônio da Sedac, Eduardo Hahn; a diretora em exercício do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado (Iphae), Lisandra Weiler; o adido Cultural do RS, César Oliveira; entre outras autoridades e convidados.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO