Porto Alegre, sexta-feira, 11 de dezembro de 2020.
Dia do Arquiteto. Dia do Engenheiro.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 11 de dezembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Literatura

- Publicada em 16h18min, 11/12/2020. Atualizada em 16h24min, 11/12/2020.

Professor de Escrita Criativa da Pucrs, Luís Roberto Amabile lança livro de contos

Autor apresenta 'O lado que não era visível para quem estava na estrada' em bate-papo online

Autor apresenta 'O lado que não era visível para quem estava na estrada' em bate-papo online


LUAN VARGAS/ZOUK/DIVULGAÇÃO/JC
Professor de Escrita Criativa da Pucrs, Luís Roberto Amabile lança o livro de contos O lado que não era visível para quem estava na estrada (Zouk, 116 págs., R$ 41,00). Neste sábado (12), às 19h, o autor vai falar sobre o processo de escrita do livro e sobre criação literária em geral num bate-papo com a escritora Leila de Souza Teixeira, transmitido pelas redes sociais da Zouk.
Professor de Escrita Criativa da Pucrs, Luís Roberto Amabile lança o livro de contos O lado que não era visível para quem estava na estrada (Zouk, 116 págs., R$ 41,00). Neste sábado (12), às 19h, o autor vai falar sobre o processo de escrita do livro e sobre criação literária em geral num bate-papo com a escritora Leila de Souza Teixeira, transmitido pelas redes sociais da Zouk.
A obra é formada por 15 contos que, além da força narrativa, têm como destaque o trabalho com a linguagem e a forma. Amabile se utiliza de recursos como mapas, fotos, notas e adendos, que funcionam como uma curiosidade extra-literária e provocam o leitor a refletir sobre o que é ficção e o que não é. “Tem de ser bom de ler e ao mesmo tempo precisa instigar o leitor a fugir da zona de conforto”, diz o autor.
Os temas de O lado que não era visível para quem estava na estrada giram em torno das relações familiares, amorosas e da própria literatura, por meio da aparição, como projeções, de escritores. O projeto do livro valeu a Amabile o incentivo do ProAC (edital de bolsa de criação literária, 2014) e uma residência literária da Associação Gaúcha de Escritora (Ages), em 2015.
"O poder da prosa de Luís Roberto Amabile vai além da verticalidade do conto clássico, das tramas cheias de ações e tensão. Não é que faltem tais características – os contos são intensos –, mas há algo mais, uma força oculta na tessitura da texto", afirma o também escritor Amilcar Bettega na orelha da publicação.
Autor de O amor é um lugar estranho (2012, finalista do Prêmio Açorianos) e O livro dos cachorros (2015, vencedor da chamada para publicação do IEL/RS), Amabile também trabalhou por dois anos com Luiz Antonio de Assis Brasil na elaboração de Escrever ficção – Um manual de criação literária (2019), no qual assina como colaborador.
Atualmente, o escritor - que é doutor em Teoria da Literatura (2017) e em Escrita Criativa (2020) - leciona Teoria Literária e Escrita Criativa na Pucrs. Também teve textos publicados em revistas e antologias no Brasil, em Portugal, na Espanha e nos Estados Unidos. 
Comentários CORRIGIR TEXTO