Porto Alegre, quinta-feira, 05 de novembro de 2020.
Dia Nacional da Cultura, Dia do Cinema Brasileiro e Dia do Designer.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 05 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

televisão

- Publicada em 20h16min, 05/11/2020.

Globo Repórter exibe episódio sobre Costa do Sol, no Rio de Janeiro

Região é formada por praias de azul caribenho e florestas exuberantes há 100 km da capital

Região é formada por praias de azul caribenho e florestas exuberantes há 100 km da capital


GLOBO/DIVULGAÇÃO/JC
O Globo Repórter desta sexta-feira (6) reexibe o episódio sobre a Costa do Sol, região formada por praias de um azul caribenho e florestas exuberantes há 100 quilômetros do Rio de Janeiro. A região também tem grutas misteriosas, diversas espécies de animais e permite a prática de esportes de aventura, como rafting e tirolesa.
O Globo Repórter desta sexta-feira (6) reexibe o episódio sobre a Costa do Sol, região formada por praias de um azul caribenho e florestas exuberantes há 100 quilômetros do Rio de Janeiro. A região também tem grutas misteriosas, diversas espécies de animais e permite a prática de esportes de aventura, como rafting e tirolesa.
Na Ilha de Cabo Frio, com quase sete quilômetros quadrados, a repórter Bette Lucchese vai da Praia do Farol às Ruínas do Farol Velho por terra, enquanto o repórter Ari Peixoto explora a região pelo mar, da Ponta do Farol à gruta da Camarinha, passando pela Gruta Azul e pelo Saco dos ingleses. O programa vai ao ar às 23h45min.
Na Praia do Farol, os visitantes só podem aproveitar as águas limpas e transparentes por uma hora, respeitando a lotação máxima de 300 pessoas por hora. “As trilhas são puxadas, sobretudo por conta do calor, mas tudo valeu a pena. É uma concentração de paisagens incríveis e, além de beleza, há história e curiosidades”, diz Bette Lucchese.
Ari Peixoto lembra as aventuras da viagem: “Os mergulhos em Arraial do Cabo surpreenderam não só pela fauna e a flora da região, mas por revelar um cenário submarino comparável a outros grandes pontos de mergulho do mundo. As grutas e o cânion foram visões únicas e inesquecíveis. Ainda teve Jurubatiba e sua restinga incomparável, e o rafting no rio Macaé, adrenalina pura”.
Comentários CORRIGIR TEXTO