Porto Alegre, segunda-feira, 28 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 28 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

televisão

- Publicada em 19h34min, 28/09/2020.

HBO estreia série sobre intervenção russa nas eleições dos Estados Unidos em 2016

'Agentes do Caos' conta com imagens inéditas e entrevistas com personagens do caso

'Agentes do Caos' conta com imagens inéditas e entrevistas com personagens do caso


HBO BRASIL/DIVULGAÇÃO/JC
A HBO estreia nesta terça-feira (29) o documentário Agentes do Caos, dividido em dois episódios. A trama mostra as investigações sobre a interferência da Rússia nas eleições presidenciais norte-americanas de 2016, com imagens inéditas e entrevistas com personagens do caso. A primeira parte vai ao ar nesta terça-feira (29), às 20h, e a segunda na quarta-feira (30), no mesmo horário.
A HBO estreia nesta terça-feira (29) o documentário Agentes do Caos, dividido em dois episódios. A trama mostra as investigações sobre a interferência da Rússia nas eleições presidenciais norte-americanas de 2016, com imagens inéditas e entrevistas com personagens do caso. A primeira parte vai ao ar nesta terça-feira (29), às 20h, e a segunda na quarta-feira (30), no mesmo horário.
Dirigido pelo ganhador do Emmy e do Oscar Alex Gibney, Agentes do Caos investiga as intervenções na democracia norte-americana e a atuação de “agentes” no caso. Entre eles também estavam personagens importantes do país que, por corrupção ou interesses, apoiaram os objetivos de Vladimir Putin, tendo o povo norte-americano como alvo. Gibney mergulha no complexo labirinto da guerra da internet, mapeando de modo claro e profundo essa rede de traições e intervenções nas últimas eleições dos Estados Unidos.
Abordando temas que não haviam sido documentados antes e trazendo depoimentos de pessoas que agora aceitaram falar, a produção inclui entrevistas com o promotor do FBI Andrew Weissmann, o ex-vice-diretor do FBI Andrew McCabe, o ex-diretor da CIA John Brennan, o assessor da campanha de Trump Carter Page, o sócio de Trump Felix Sater, entre outros.
Comentários CORRIGIR TEXTO