Porto Alegre, quarta-feira, 23 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 23 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

artes cênicas

- Publicada em 08h00min, 23/09/2020.

Artista de Porto Alegre revisita história circense em livro lançado pela Libretos

Com base na pesquisa que foi publicada, Circo Híbrido produziu espetáculo contemporâneo

Com base na pesquisa que foi publicada, Circo Híbrido produziu espetáculo contemporâneo


SAL FOTOGRAFIA/DIVULGAÇÃO/JC
Em obra lançada neste mês pela editora Libretos, a artista gaúcha Lara Rocho, que é professora de dança aérea na escola Circo Híbrido, revisita a história de parte do circo brasileiro, por meio da trajetória de Albano Pereira, um empresário circense muito reconhecido.
Em obra lançada neste mês pela editora Libretos, a artista gaúcha Lara Rocho, que é professora de dança aérea na escola Circo Híbrido, revisita a história de parte do circo brasileiro, por meio da trajetória de Albano Pereira, um empresário circense muito reconhecido.
A publicação Senhoras e senhores, com vocês: Albano Pereira, seus circos estáveis e o Magnífico Circo Praça! (332 págs.) vem com cadernos em cores e custa R$ 38,00 - à venda nas livrarias e pelo site da editora.
Como historiadora, Lara pesquisou parte da história do circo no Brasil em seu mestrado em História Cultural. O estudo foi contemplado pelo Prêmio Funarte de Estímulo ao Circo 2019. Pereira, artista e empresário português, foi casado com Joanita, criadora do trapézio triplo voador, e teve circos fixos nas cidades de Porto Alegre e Rio Grande, entre 1875 e 1887.
Ainda com base na pesquisa que se tornou livro, o grupo Circo Híbrido, do qual Lara faz parte, produziu um espetáculo contemporâneo que circulou por 15 praças de Porto Alegre, de modo que os artistas fazem o espetáculo andando. Em seu livro, a autora apresenta fotos de algumas apresentações e depoimentos dos integrantes da trupe, além de muitas facsímiles de documentos, recortes de jornal, fotografias de família e panfletos sobre o empresário circense Albano Pereira e sua família, que percorreram quase todos os estados do Brasil levando a arte do circo para a população.
Comentários CORRIGIR TEXTO