Porto Alegre, quinta-feira, 28 de maio de 2020.
Dia da Saúde.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 28 de maio de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Música

Alterada em 28/05 às 20h04min

Amor quixotesco é o tema do novo single de ZéVitor

Em 'Castelo de areia', músico conta com participação de Konai

Em 'Castelo de areia', músico conta com participação de Konai


LUCAS PAIXÃO/DIVULGAÇÃO/JC
Em alusão à história de Dom Quixote e sua paixão pela imaginária Dulcineia, o músico ZéVitor, em parceria com Konai, lança nesta sexta-feira (29), a partir das 18h, nas plataformas de streaming, o single Castelo de areia. As HQs de Lucas Paixão, que compõem o conceito visual do single, também ilustram o videoclipe,que estará disponível no YouTube no link abaixo.
Em alusão à história de Dom Quixote e sua paixão pela imaginária Dulcineia, o músico ZéVitor, em parceria com Konai, lança nesta sexta-feira (29), a partir das 18h, nas plataformas de streaming, o single Castelo de areia. As HQs de Lucas Paixão, que compõem o conceito visual do single, também ilustram o videoclipe,que estará disponível no YouTube no link abaixo.
A letra mescla imagens contemporâneas, como o aplicativo WhatsApp, e medievais, remetendo ao clássico de Cervantes, e segue a pegada romântica e pop predominante na obra do compositor. A faixa começa com “Minha mensagem não fica azul/Você nem visualiza" e termina com "Eu vim de muito longe, cavaleiro andante/Me chamo Dom Quixote e não sou como antes”.
ZéVitor, 21 anos, investe numa pegada pop com acento forte na rima. Traz influências da MPB e uma rica inspiração do universo popular. Konai, 18, é reconhecido como pioneiro das sad songs no País, vertente musical que hoje é febre entre os jovens.
Comentários