Porto Alegre, sexta-feira, 15 de maio de 2020.
Dia do Assistente Social.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 15 de maio de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

literatura

15/05/2020 - 18h00min. Alterada em 15/05 às 18h00min

Romance de Aliel Paione é indicação de leitura para Dia Internacional contra Homofobia

Em meio a relatos históricos e políticos de um País em transformação, escritor retrata dores e preconceitos

Em meio a relatos históricos e políticos de um País em transformação, escritor retrata dores e preconceitos


EDITORA PANDORGA/DIVULGAÇÃO/JC
Neste domingo (17), é celebrado o Dia Internacional contra a Homofobia. O tema é um dos destaques da obra Sol e sombras (Pandorga, 453 págs., R$ 9,90 no e-book), do escritor Aliel Paione. Este título é o segundo volume da Trilogia do Sol, lançada pelo autor.
Neste domingo (17), é celebrado o Dia Internacional contra a Homofobia. O tema é um dos destaques da obra Sol e sombras (Pandorga, 453 págs., R$ 9,90 no e-book), do escritor Aliel Paione. Este título é o segundo volume da Trilogia do Sol, lançada pelo autor.
A temática LGBTQI+ é abordada por meio do personagem Marcus, um homossexual apaixonado pelo protagonista João Antunes (jovem gaúcho descendentes de açorianos que se estabelecem nas Missões). Ao perceber que não será amado por João, Marcus tira a vida para não sentir, mais uma vez, a dor da rejeição.
Representatividade é por si só relevante, mas há outra razão para Paiol falar sobre o assunto, conforme relata: "Quando era criança, assistia em minha cidade, pequena e provinciana, a discriminação que sofriam as pessoas, e aquilo me deixava triste e intrigado. Assim, resolvi apoiá-las integralmente em meu livro".
Ambientada no século XIX e início do século XX, a obra também é um registro político e cultural de um Brasil em revolução e transformação.

Mais detalhes sobre a publicação e o autor

Segundo livro da trilogia do autor é comercializado em e-book pela Amazon
Segundo livro da trilogia do autor é comercializado em e-book pela Amazon
EDITORA PANDORGA/DIVULGAÇÃO/JC
Ficha técnica
Título: Sol e sombras
Autor: Aliel Paione - engenheiro e mestre em Ciências e Técnicas Nucleares pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Trabalhou com salvaguardas nucleares na estatal Nuclebrás e foi professor de Física na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas).
Editora: Pandorga
Páginas: 453 páginas
Preço e-book (Kindle): R$ 9,90
Venda: Amazon
Sinopse: O jovem João Antunes é gaúcho, filho de imigrantes açorianos que vieram tentar a vida no Estado. Ele nasceu quando a família trabalhava na Estância de Santos Reis, de propriedade do General Manuel do Nascimento Vargas, pai do futuro presidente Getúlio Vargas, e ali fora criado. Desde criança, aprendera a decifrar a natureza e cultivou amor aos animais.
Tornou-se exímio vaqueiro, com belo porte físico. As mulheres lhe viam e se sentiam atraídas. Mas João Antunes revelou também uma sensibilidade inquietante, o que o faria sofrer durante a vida, com relações pessoais marcadas por conflitos psicológicos.
A trama ocorre, em sua maior parte, na cidade de Cavalcante, em Goiás, aonde João Antunes vai em busca de seus sonhos. Ele conhece Verônica, mulher estonteante, amante do senador Mendonça e de Jean-Jacques, bem como Henriette, filha de Verônica.
Trilogia: Este romance constitui o segundo de uma trilogia, inicia pelo título já publicado Sol e sonhos em Copacabana. O terceiro é Sol e solidão
Comentários