Porto Alegre, quarta-feira, 13 de maio de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 13 de maio de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Artes visuais

Alterada em 13/05 às 20h07min

Em live, organização da Bienal do Mercosul fala sobre o presente e o futuro do evento

Curadora-geral Andrea Giunta participa da transmissão pelas redes sociais nesta quinta-feira

Curadora-geral Andrea Giunta participa da transmissão pelas redes sociais nesta quinta-feira


ROB VERF/DIVULGAÇÃO/JC
Nesta quinta-feira (14), a Bienal de Artes Visuais do Mercosul promove uma live para debater o presente e o futuro do evento no contexto da Covid-19. O bate-papo sobre a Bienal 12 terá a participação do presidente Gilberto Schwartsmann e da curadora-geral Andrea Giunta, a partir das 19h, pelo Facebook, YouTube e Instagram da Bienal (@bienalmercosul).
Nesta quinta-feira (14), a Bienal de Artes Visuais do Mercosul promove uma live para debater o presente e o futuro do evento no contexto da Covid-19. O bate-papo sobre a Bienal 12 terá a participação do presidente Gilberto Schwartsmann e da curadora-geral Andrea Giunta, a partir das 19h, pelo Facebook, YouTube e Instagram da Bienal (@bienalmercosul).
Após a pandemia de coronavírus, a organização desenvolveu propostas digitais que, de alguma forma, pudessem manifestar publicamente as expressões que titulam a 12° edição do projeto: Feminino(s): visualidades, ações e afetos. As ações começaram em março com a publicação de depoimentos de artistas nas redes sociais e tiveram continuidade com o lançamento do site www.fundacaobienal.art.br/online, plataforma virtual atualizada diariamente.
Por meio da transmissão desta quinta, a Bienal se manifesta pela primeira vez sobre as perspectivas do projeto diante da nova “normalidade”. A live abrirá espaço para perguntas do público, que podem ser enviadas com antecedência pelos canais digitais ou durante a transmissão.
Comentários