Porto Alegre, sábado, 26 de setembro de 2020.
Dia Nacional dos Surdos.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 26 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Gente

- Publicada em 11h12min, 22/03/2020. Atualizada em 17h16min, 22/03/2020.

Jornalista Mariana Kalil morre vítima de câncer

A jornalista Mariana Kalil escreveu três livros e tinha um site voltado ao público feminino

A jornalista Mariana Kalil escreveu três livros e tinha um site voltado ao público feminino


Mariana Kalil/Arquivo pessoal/JC
A jornalista Mariana Kalil, de 47 anos, faleceu às 5 horas da madrugada deste domingo (22) vítima de um melanoma (câncer de pele). Ela estava internada no Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre.
A jornalista Mariana Kalil, de 47 anos, faleceu às 5 horas da madrugada deste domingo (22) vítima de um melanoma (câncer de pele). Ela estava internada no Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre.
Mariana vinha lutando contra o câncer e costumava mostrar um pouco da sua rotina nas redes sociais. Em uma das mais recentes postagens, de 6/2, ela disse. “O amor e o carinho de todos vocês, perseguidoras e perseguidores, me impulsiona como uma malabarista que voa pelo céu encantado em seu trapézio mágico. O amor e o carinho da minha família e amigos é o que me mantém firme e forte até aqui, com desequilíbrios e tropeços, sim. Mas com muito aprendizado”.
Reconhecida pelos amigos como uma pessoa leve e bem-humorada, mesmo nos momentos difíceis, Mariana era escritora, jornalista, colunista da Band TV e Band News FM e diretora de conteúdo do site Mari Kalil, direcionado ao público feminino. Autora dos livros Peregrina de araque, Vida peregrina e Tudo tem uma primeira vez, publicados pela editora Dublinense, ela nasceu e vivia em Porto Alegre. Anteriormente morou em São Paulo, Rio de Janeiro e Barcelona. Trabalhou nos jornais Zero Hora, O Estado de S.Paulo e Jornal do Brasil; nas revistas Época e IstoÉ e foi correspondente da BBC na Espanha, onde cursou pós-graduação em roteiro, edição e direção de cinema na Escuela Superior de Imagen y Diseño de Barcelona.
A despedida será simples e com as restrições em função da epidemia do coronavírus, no Memorial Angelus, das 12 às 15h. Em mensagem enviada para amigos, familiares colocaram a observação  “não precisam se arriscar. Sei que estão conosco”.
Comentários CORRIGIR TEXTO