Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 23 de dezembro de 2019.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

Inclusão social

Edição impressa de 23/12/2019. Alterada em 23/12 às 03h00min

Projeto do Instituto Psiquiátrico Forense promove pintura de Papai Noel ao vivo

Dois artistas do projeto Artinclusão do Instituto Psiquiátrico Forense (IPF), Edo May e Antônio Rosa, participam nesta segunda-feira (23) de uma pintura ao vivo, no cruzamento das avenidas Salvador França e Ipiranga, em Porto Alegre. A ação, das 15h às 17h30min, será realizada junto ao Papai Noel customizado pelos artistas durante o Natal Alegre 2019.
Dois artistas do projeto Artinclusão do Instituto Psiquiátrico Forense (IPF), Edo May e Antônio Rosa, participam nesta segunda-feira (23) de uma pintura ao vivo, no cruzamento das avenidas Salvador França e Ipiranga, em Porto Alegre. A ação, das 15h às 17h30min, será realizada junto ao Papai Noel customizado pelos artistas durante o Natal Alegre 2019.
Internos do IPF, May e Rosa participaram da customização de um dos Papais Noéis gigantes do Natal Alegre, que recebeu o nome de Herói Natalício. Aloizio Pedersen, artista plástico idealizador do projeto Artinclusão, também estará presente na atividade. Durante o evento, eles irão apresentar e ensinar ao público técnicas de pintura de ação e do expressionismo abstrato. As pessoas são convidadas a pintar e participar da iniciativa, que é gratuita.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia