Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 14 de abril de 2019.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

CINEMA

14/04/2019 - 17h32min. Alterada em 14/04 às 17h32min

Festival CineSerra encerra premiando destaques regionais e estaduais

Vencedores do 6º CineSerra foram conhecidos na noite de sábado em Caxias do Sul

Vencedores do 6º CineSerra foram conhecidos na noite de sábado em Caxias do Sul


EDSON SMIDERLE/DIVULGAÇÃO/JC
O Festival do Audiovisual da Serra Gaúcha – CineSerra apresentou os vencedores de sua 6ª edição em premiação realizada no sábado (13), no Teatro do Sesc de Caxias do Sul. A mostra competitiva contou com 50 produções concorrentes (entre ficções, documentários e videoclipes), sendo 20 participantes do concurso regional e 30 do estadual.
Sem abrigo, de Leonardo Remor, teve destaque como melhor filme produzido no Rio Grande do Sul, além da láurea de melhor atriz para Rejane Arruda. Também em nível estadual, o curta Fè Mye Talè venceu em fotografia e trilha sonora. Já Um corpo feminino, de Thais Fernandes, ganhador da mostra gaúcha em Gramado no ano passado, foi eleito o melhor documentário pelo voto popular.
Os recursos para a realização do evento foram captados por meio da Lei de Incentivo à Cultura (LIC) do município da Serra. Nesta edição, os apoiadores culturais são NL Informática, Bitcom, Guinchos Vanin e Empresas Randon.
Diretor artístico do CineSerra, Le Daros reforça o objetivo do evento, de conceder visibilidade e agregar valor à produção audiovisual independente regional e gaúcha: “Sempre acreditamos no valor dessa produção e no potencial incrível de desenvolvimento do segmento. E o CineSerra, com sua agenda de exibições, debates, atividades de capacitação e, claro, sua premiação, vai ao encontro dessa trajetória”.
O encerramento oficial do evento acontece neste domingo (14) à noite, durante Sessão Especial no Instituto Cultural Samba, em Caxias do Sul (Hercules Galló, 620).

Conheça a lista de vencedores:

Certame Regional 
- Ficção/Documentário:
  • Melhor Filme Ficção: Subtexto Dir: Cristian Beltrán
  • Melhor Filme Documentário: Sou Ana Mazzotti Dir: Breno Dallas e João Boaventura
  • Melhor direção: Breno Dallas e João Boaventura por Sou Ana Mazzotti
  • Melhor roteiro: Douglas Bolzan por O Homem que Via Música em Tudo
  • Melhor fotografia: Breno Dallas por O Homem que Via Música em Tudo
  • Melhor direção de arte: Pauline Hipólito por Subtexto
  • Melhor edição: Michel Kriger por Subtexto
  • Melhor desenho de som: Francisco Maffei por Sou Ana Mazzotti
  • Melhor trilha sonora: Beto Scopel e Ccoma por O Homem que Via Música em Tudo
  • Melhor ator: Cristian Beltrán por Subtexto
  • Melhor atriz: Ana Michelon Gomes por O Inimigo
  • Menção honrosa: Escarlate Dir: Lauren Fogaça
- Videoclipe musical:
  • 1º Lugar: Almost Unreal – From Autumn – Dir: Maicon Benato
  • 2º Lugar: High – Kripper – Dir: Rafael Willms
  • 3º Lugar: Setembro- Vic Limberger – Dir: Lauren Fogaça
  • Menção honrosa: Lute Sempre– L.U.T.E Corp.- Dir: Rafael Wilmms
Certame estadual
- Ficção e Documentário:
  • Melhor Filme Ficção: Sem Abrigo Dir: Leonardo Remor
  • Melhor Filme Documentário: Que Som Tem a Distância Dir: Marcela Schild
  • Melhor direção: Guto Bozzetti por Mocinho e Bandido
  • Melhor roteiro: Felipe Iesbick por À Sombra
  • Melhor fotografia: Rodger Timm por Fè Mye Talè
  • Melhor direção de arte: Gianna Soccol por Pelos Velhos Tempos
  • Melhor edição: Daniel Almeida por Pelos Velhos Tempos
  • Melhor desenho de som: Bafo Na Nuca Música por Lithium
  • Melhor trilha sonora: Idòwú Akinrúli e Gustavo Foppa por Fè Mye Talè
  • Melhor ator: João Vitor Machado por Mocinho e Bandido
  • Melhor atriz: Rejane Arruda por Sem Abrigo
  • Menção honrosa Ficção: Grito Dir: Luiz Alberto Cassol
- Videoclipe musical:
  • 1º Lugar: Long Fever – L.A.R.A. – Dir: Vinícius Lara e Henrique Wallau
  • 2º Lugar: Espetáculo – Mun-Rá – Dir: Bruno dos Anjos
  • 3º Lugar: Reticências – Nei Van Soria – Dir: Eduardo Christofoli
  • Menção honrosa: Moving Ground - Hibria – Dir: Deivis Horbach
Voto popular
  • Melhor Filme Documentário: Um Corpo Feminino – Dir: Thais Fernandes
  • Melhor Filme Ficção: Outro Tempo – Dir: Manu Zilveti
  • Melhor Videoclipe musical: Lá Fora – Thiago Wilbert e Os Buena Onda - Dir: Thiago Wilbert
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia