Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 02 de janeiro de 2019.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

ACONTECE

Edição impressa de 02/01/2019. Alterada em 02/01 às 01h00min

Biba Meira promove oficina de bateria, percussão e musicalização

Oficinas para mulheres e meninas ensina técnicas de bateria, musicalização e percussão

Oficinas para mulheres e meninas ensina técnicas de bateria, musicalização e percussão


/CLAUDIO ETGES /DIVULGAÇÃO/JC
O verão será um período para aprendizado de bateria, percussão e musicalização. Ministrado por Biba Meira, as turmas são divididas em duas: para meninas de 10 até 16 anos, nas terças-feiras de janeiro, às 16h30min, e para mulheres adultas, nas quintas-feiras, às 16h30min. As oficinas acontecem na Batuca Escola de Bateria e Percussão (Miguel Tostes, 849), com investimento de R$ 130,00.
As Batuquinhas oficina de bateria e Percussão Feminina são encontros que proporcionam vivências musicais por meio de ritmos brasileiros (ijexá, coco e samba-reggae), bem como o rock, buscando enfatizar o trabalho com a percussão. Instrumentos como afoxé, agogô, chocalho e bateria, além de outros, serão utilizados na oficina. A Oficina de percussão para mulheres segue as mesmas premissas e desenvolve um trabalho similar, mas com enfoque no público mais adulto. Assim como a primeira, também se pratica o aprendizado com musicalização, trocas e experimentos.
Nenhuma das oficinas necessita de experiência prévia em percussão e não é necessário se preocupar com instrumentos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia