Porto Alegre, quarta-feira, 06 de outubro de 2021.
Porto Alegre,
quarta-feira, 06 de outubro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Resíduos

- Publicada em 06/10/2021 às 14h33min.

Semana Lixo Zero acontece de 25 a 31 de outubro em Porto Alegre

Dia 30, sábado, terá a segunda edição da EcoFeira Lixo Zero no Parque da Redenção

Dia 30, sábado, terá a segunda edição da EcoFeira Lixo Zero no Parque da Redenção


MARIANA ALVES/JC
De 25 a 31 de outubro Porto Alegre terá uma nova edição da Semana Lixo Zero, iniciativa que tem como proposta disseminar a redução da produção de resíduos e o melhor aproveitamento dos materiais gerados, encaminhando os descartes para a reciclagem e o material orgânico para a compostagem. A programação é colaborativa com a sociedade, que cria e gerencia suas próprias ações, vinculadas ao calendário do evento. Organizada por voluntários, a Semana Lixo Zero é promovida pelo Instituto Lixo Zero.
De 25 a 31 de outubro Porto Alegre terá uma nova edição da Semana Lixo Zero, iniciativa que tem como proposta disseminar a redução da produção de resíduos e o melhor aproveitamento dos materiais gerados, encaminhando os descartes para a reciclagem e o material orgânico para a compostagem. A programação é colaborativa com a sociedade, que cria e gerencia suas próprias ações, vinculadas ao calendário do evento. Organizada por voluntários, a Semana Lixo Zero é promovida pelo Instituto Lixo Zero.
Após um ano de atividades virtuais, em 2021 o evento será híbrido, com atividades virtuais e presenciais. Qualquer pessoa, empresa ou entidade pode cadastrar suas ações no site lixozeroportoalegre.com até o dia 15 de outubro. Todas as atividades entrarão na programação que será divulgada no site e nas redes sociais do Lixo Zero POA. Para o dia 30, sábado, já está prevista a segunda edição da EcoFeira Lixo Zero no Parque da Redenção.

ACPA sediou lançamento das atividades

O lançamento da Semana Lixo Zero foi realizado na segunda-feira, dia 4, na Associação Comercial de Porto Alegre, uma das entidades parceiras do evento. Participaram apoiadores e representantes do poder público. Nicole Portella, embaixadora do Instituto em Porto Alegre, fez uma apresentação falando sobre resíduos e a emergência climática global.
Em referência ao Inventário de Gases de Efeito Estufa atualizado recentemente na Capital, chamou atenção para a relação entre esses temas, já que o descarte inadequado de resíduos faz com que material que poderia ser reaproveitado, como recicláveis ou orgânicos, sejam enviados para aterros sanitários, transportados em caminhões que queimam de combustíveis fósseis nessa viagem.
Com destaque para a responsabilidade compartilhada dos diversos setores da sociedade sobre a cadeia do resíduo, o empresário Marcos Oderich, presidente da Associação de Logística Reversa de Embalagens (Aslore), falou sobre a missão da entidade em conscientizar empresários a contribuir com a destinação adequada de embalagens após o consumo.
Além de ser uma exigência legal, a logística reversa tem grande relevância ambiental, ao retornar os materiais para a cadeia produtiva ao invés de destiná-los ao aterro sanitário, e é socialmente importante a exemplo de quando prioriza a parceria com cooperativas de catadores.
Assim como Oderich, o diretor comercial da Embapel Reciclagem, Giovanni Moser, pediu atenção do poder público para o incentivo fiscal e tributário a essa temática como uma forma de ampliar a participação de setores produtivos no ciclo da reciclagem. Aslore e Embapel são patrocinadoras da Semana Lixo Zero.
Representante do Fórum de Catadores, Paula Medeiros destacou o papel da educação na construção do pensamento coletivo e ambiental, em que as crianças aprendem sobre a separação correta do lixo e também sobre conceitos de inclusão e respeito.

Calendário oficial de eventos

A Semana Lixo Zero integra o calendário oficial de eventos de Porto Alegre, com realização sempre na última semana do mês de outubro. A proposta partiu da vereadora Cláudia Araújo e é lei desde julho deste ano. A proposta é realizar atividades para discutir e conscientizar sobre a temática dos resíduos sólidos, incentivo ao consumo consciente, propor soluções para redução, reutilização, reciclagem, compostagem e não geração de lixo.

O Movimento Lixo Zero

O Instituto Lixo Zero Brasil (ILZB) é uma organização civil e sem fins lucrativos que faz parte do Zero Waste International Alliance. Fundado em 2010, tem como objetivo disseminar o conceito de lixo zero e articular programas de conscientização, destacando a importância da certificação, reestruturação e controle sobre o lixo produzido pela sociedade. O conceito de “Lixo Zero” é debatido mundialmente desde os anos 1970.
O foco principal é propor uma reflexão em busca de alternativas para reduzir ao máximo a cadeia conhecida como economia linear, em que a última etapa do processo de consumo de um produto é o descarte. O formato idealizado para substituí-lo consiste na economia circular, através da qual os resíduos podem e devem ser reaproveitados após o uso, transformando-se em recursos valiosos para novos produtos ou práticas.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO