Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 20 de janeiro de 2021.
Dia de São Sebastião (feriado na cidade do Rio de Janeiro).

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 20 de janeiro de 2021.
20/01/2021 - 20h29min.
Alterada em 20/01 às 20h29min

O novo que o tempo atual exige

Por Dom Jaime Spengler, arcebispo metropolitano e primeiro vice-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB)
Por Dom Jaime Spengler, arcebispo metropolitano e primeiro vice-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB)
O momento que a humanidade vive pôs em relevo um aspecto da existência humana que nos últimos tempos foi transcurado: a saúde do ser humano é indissociável da saúde do meio ambiente. Embora recentemente, em alguns espaços da sociedade, se destaque a necessidade de cuidar da Casa Comum (o meio ambiente), o tema ainda não está sendo suficientemente abordado com o rigor e a determinação que exige.
Não faltam dados mostrando que as mudanças climáticas e a atual pandemia têm impactado não só a economia, a política, a ética e o ambiente, mas também a sociedade. Tal realidade representa um chamado à responsabilidade e à necessidade de compreender que somente um compromisso coletivo de solidariedade e o desenvolvimento de uma cultura do cuidado, que tenham como foco o bem comum e a dignidade humana, poderão promover as condições necessárias para a superação dos desafios impostos a todos.
Urge continuar promovendo as orientações das autoridades sanitárias no tocante aos cuidados necessários diante da atual circulação ágil e perigosa do novo coronavírus. Certamente a disponibilidade de vacinas favorece a esperança de que a médio e longo prazo será possível superar os limites determinados pela presença do vírus entre nós. Ao mesmo tempo, não se pode olvidar a necessidade de promover a educação para uma ecologia integral. Afinal, “tudo está interligado”! Daí a importância de “repensar os estilos de vida, as relações, a organização das sociedades e, sobretudo, o sentido da existência” (Papa Francisco).
As medidas políticas e técnicas que a pandemia exige, não podem estar dissociadas de um processo educativo focado num modelo cultural de desenvolvimento e sustentabilidade que considere a aliança entre os seres humanos e o meio ambiente.
Chegou o momento de uma mudança de rumo! O planeta Terra se encontra gravemente doente. Há uma multidão que clama por condições mínimas de vida digna. O modelo político-econômico que até então tem pautado decisões, mostra que não se tem cuidado suficientemente da casa comum e muito menos da vida de uma multidão de seres humanos.
Se a partir da Revolução Francesa foi dada primazia à liberdade e à igualdade, é hora de redescobrir a importância e dignidade da fraternidade; ela é dom e tarefa. Não se conseguirá atravessar o mar agitado da crise atual se não houver a determinação e a coragem de incluir a todos.
Festa de Navegantes não terá procissão em 2021 - A Festa de Nossa Senhora de Navegantes 2021, 146ª edição, não terá a sua tradicional procissão neste ano, em razão da pandemia de Covid-19. Todas as celebrações litúrgicas programadas, a setena, serão realizadas no Santuário de Navegantes, às 19h, e atenderão todas as restrições indicadas pelas autoridades sanitárias para o enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. A celebração do dia 2 de fevereiro será conduzida pelo arcebispo metropolitano Dom Jaime Spengler. Após, a missa das 9h, no dia 2, a imagem da Santa percorrerá alguns pontos da capital em cima de um caminhão. Mais notícias da Arquidiocese de Porto Alegre, acesse: https://www.arquipoa.com/noticias.
Pastoral Carcerária apresenta relatório sobre denúncias de tortura no cárcere durante a pandemia - A Pastoral Carcerária da CNBB lança, nesta sexta (22), o relatório “A Pandemia da Tortura no cárcere.” O evento de lançamento ocorrerá às 15h e será transmitido online, pelo Facebook.com/PastoralCarcerariaCNBB e Youtube da pastoral. O relatório é fruto da análise de casos e denúncias relacionadas à pandemia do coronavírus recebidas pela Pastoral Carcerária Nacional ao longo do ano de 2020. A Pastoral Carcerária Nacional recebeu, entre 15 de março e 31 de outubro de 2020, 90 denúncias de casos de tortura, envolvendo inúmeras violações de direitos em diversas unidades prisionais espalhadas pelo país. Para efeito de comparação, em 2019 a pastoral recebeu 53 casos neste mesmo período. Além dos dados gerais, familiares, ativistas, sobreviventes do sistema e pesquisadores da questão prisional refletem em artigos presentes no relatório sobre o uso da pandemia como forma de tortura, que fortalece a estrutura racista e violenta do cárcere, bem como seu impacto nas diversas populações presas, como as mulheres, a população LGBTI+, os indígenas e os presos do sistema socioeducativo.
Papa Francisco reza pelas vítimas da pandemia em Manaus - Ao saudar os fiéis de língua portuguesa conectados para a Audiência Geral, o Papa Francisco dirigiu sua oração às vítimas do coronavírus. “Nestes dias a minha oração é por quantos sofrem com a pandemia, de modo especial em Manaus, no norte do Brasil. Que o Pai das Misericórdias lhes sustente neste momento difícil. Lhes abençoo de coração!” Essa foi a saudação que o Papa Francisco dirigiu aos fiéis de língua portuguesa na Audiência Geral desta quarta (20), manifestando sua proximidade com o povo do Amazonas que tem sofrido as consequências do aumento do número de casos de covid-19 e do colapso no sistema de saúde. Em abril de 2020, o Papa Francisco também manifestou seu zelo pastoral com a região diante da pandemia. Na primeira onda da covid-19, Francisco ligou para o arcebispo de Manaus, dom Leonardo Steiner, para manifestar a sua solidariedade e proximidade às vítimas do novo coronavírus, em 25 de abril de 2020. Assista ao vídeo do Papa no link https://youtu.be/qyOUmHeDWsg.
Comentários CORRIGIR TEXTO
Dom Jaime Spengler
Dom Jaime Spengler
A Arquidiocese de Porto Alegre renova sua tradicional coluna no Jornal do Comércio, antes intitulada "A Voz do Pastor", e passa a chamá-la "Olhar da Fé", com publicação exclusiva na versão online do veículo. Todas as quintas-feiras, Dom Jaime Spengler, arcebispo de Porto Alegre, ou um dos bispos auxiliares trarão a visão do sagrado sobre temas importantes para a sociedade.