Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 20 de julho de 2020.
Dia do Amigo.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 20 de julho de 2020.
14/05/2020 - 17h26min.
Alterada em 14/05 às 18h57min

Escolhas urgentes

Por Dom Jaime Spengler, arcebispo metropolitano de Porto Alegre e primeiro vice-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).
Por Dom Jaime Spengler, arcebispo metropolitano de Porto Alegre e primeiro vice-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).
O momento atual impõe a necessidade de reflexão sobre o mundo desejado para o período pós-pandemia. O que até então se considerava socialmente normal está sendo suplantado pela necessidade de novos esquemas e ritos existenciais.
O vírus que se espalhou pelo mundo preocupa – e muito! Diante das consequências impostas à sociedade, se redescobre a importância da pesquisa, da ciência, do sistema de saúde e do senso de corresponsabilidade social. Escolhas pessoais e sociais a serem realizadas moldarão o futuro possível.
Como em pouco tempo o vírus se disseminou pelo mundo, também agora o mundo com urgência deve realizar escolhas vitais. O medo de uma doença grave e da morte, ameaçando a todos, e a rapidez das informações exigem atenção, pois o perigo é extenso e os efeitos devastadores. De repente, a simplicidade que marcava as relações sociais cedeu lugar à complexidade em que se transformou o mover-se e o interagir.
Uma questão vai se delineando necessária: qual direção se deseja dar para o futuro? Ao que tudo indica, se está impondo uma nova ordem, pois o mundo conhecido até então, com suas normas e regras, oferece sinais de que está chegando ao seu ocaso. Tal situação solicita ousadia e criatividade da parte dos diversos setores da sociedade. Neste contexto, destaque especial há de se dar ao espírito de solidariedade e à obra do cuidado.
Opiniões inspiradas em ideologias e “informações” que ignoram os méritos da ciência podem inescrupulosamente suprimir a necessidade vital de reconhecer o vínculo original entre o ego e o outro. Ignorar esse vínculo vital é cooperar para o impor-se do conflito e, consequentemente, o recrudescimento da morte.
Medida Provisória 910 - Diante da possibilidade de ser colocada em votação a medida provisória 910/19 que altera regras da regularização fundiária de imóveis da União e do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), o presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) emitiu nota, essa semana, em que pede ao Congresso que, no momento de crise sanitária do novo coronavírus, não coloque a MP em votação. No texto, o arcebispo de Belo Horizonte (MG), dom Walmor Oliveira de Azevedo, presidente da CNBB, reitera a posição da entidade que, no seu dever cristão de defender a vida, principalmente dos pobres, e da natureza pede, mais uma vez, que se reconheça o momento inapropriado para se debater esse tema e que não ponha a medida provisória (MP) em votação. Segundo a Câmara dos Deputados, o texto, editado em dezembro no ano passado, perde a validade na terça-feira (19), se não for votado. Acesse o link e leia a nota na íntegra: https://bit.ly/2LpEiUs.
Oração de fiéis de todas as religiões - Esta quinta-feira (14) será um dia de oração, jejum e invocação a Deus, pela humanidade, atingida pela pandemia do COVID-19. A iniciativa, à qual aderiu o Papa Francisco, é promovida pelo Alto Comitê para a Fraternidade Humana. “Os fiéis de todas as religiões se unem espiritualmente num dia de oração, jejum e obras de caridade para implorar a Deus que ajude a humanidade a superar a pandemia do coronavírus”. Assista à mensagem do Santo Padre na íntegra e una-se às orações deste 14 de maio: https://youtu.be/zhUuVZaP6rM.
Comentários CORRIGIR TEXTO