Porto Alegre, terça-feira, 20 de abril de 2021.
Porto Alegre,
terça-feira, 20 de abril de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Mercado Digital

- Publicada em 16h30min, 19/04/2021. Atualizada em 14h07min, 20/04/2021.

De olho na desconcentração, Agibank lança plataforma de investimentos

Testa lidera operação, que fechou o primeiro trimestre com 2,9 milhões de clientes

Testa lidera operação, que fechou o primeiro trimestre com 2,9 milhões de clientes


ITAMAR AGUIAR/AG/DIVULGAÇÃO/JC
O banco digital Agibank acaba de disponibilizar para beta teste a sua nova plataforma de investimentos, uma solução em produtos de renda fixa, variável, fundos de investimento e títulos públicos. A ideia é avançar na construção de uma oferta completa de soluções financeiras e não financeiras da companhia.
O banco digital Agibank acaba de disponibilizar para beta teste a sua nova plataforma de investimentos, uma solução em produtos de renda fixa, variável, fundos de investimento e títulos públicos. A ideia é avançar na construção de uma oferta completa de soluções financeiras e não financeiras da companhia.
A plataforma será um passo importante para endereçar os depósitos do lado passivo do Agibank e melhorar a capacidade de alavancagem, atuando como provedor de serviços para o novo ecossistema. E tudo isso sendo construído totalmente fora da estrutura do banco.
"De fato é um negócio de plataforma digital, no qual o Agibank será um provedor de serviços e soluções financeiras, assim como outras empresas e sellers de produtos não financeiros”, revela o CEO do Agibank, Marciano Testa.
Com isso, segundo ele, a meta é impulsionar o crescimento da abertura de contas digitais end-to-end. “Também estamos entrando no mercado de investimentos, que queremos desconcentrar, atacando os bolsões de recursos hoje represados dentro dos cinco maiores bancos brasileiros", ressalta.
Além dos novos produtos de investimentos em si, que ampliam o portfólio do Agibank, a plataforma on-line vai oferecer suporte ao usuário. Sem cobrança de tarifas, a solução estará integrada aos serviços de conta corrente do banco, também isentos de taxa de manutenção.
"A plataforma vai ser muito importante para ampliarmos o relacionamento com os nossos atuais e futuros clientes, que até então estavam limitados aos nossos CDBs. Isso vai ajudar na atração de novos perfis de investidores para o banco, além de captar mais depósitos à vista e reduzir o nosso custo de funding no longo prazo", afirma o diretor financeiro do Agibank, Thiago Souza.
A plataforma será disponibilizada ao mercado no segundo semestre, já integrada a esse novo ecossistema. Até lá, os testes buscarão qualificar a experiência de atendimento e a usabilidade do ambiente. "Somos uma instituição pagadora de folhas, de salários, o que nos dá a condição de conter a saída de recursos à medida que vamos oferecer opções de investimento para todos os perfis de clientes", acrescenta Thiago.
O Agibank fechou o primeiro trimestre com 2,9 milhões de clientes e um crescimento de 104,7% no número de correntistas com salário.
Comentários CORRIGIR TEXTO