Porto Alegre, quinta-feira, 07 de janeiro de 2021.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 07 de janeiro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Mercado Digital

- Publicada em 15h59min, 06/01/2021. Atualizada em 16h18min, 07/01/2021.

Epigenica, startup gaúcha de biotecnologia, estreia no mercado

Empresa projeta desenvolver métodos inovadores para diagnóstico e tratamento de câncer

Empresa projeta desenvolver métodos inovadores para diagnóstico e tratamento de câncer


Epigenica/Divulgação/JC
O ano de 2021 chega com a estreia no mercado da Epigenica Biosciences, startup gaúcha de biotecnologia gaúcha que tem como missão os limites para transformar o diagnóstico e tratamento de pacientes com câncer.
O ano de 2021 chega com a estreia no mercado da Epigenica Biosciences, startup gaúcha de biotecnologia gaúcha que tem como missão os limites para transformar o diagnóstico e tratamento de pacientes com câncer.
A empresa irá combinar o mapeamento do perfil epigenético tumoral, abordagens de Big Data e Inteligência Artificial proprietárias para o sequenciamento de nova geração utilizando um simples exame de sangue onde é coletado o DNA tumoral de células circulantes (biópsia líquida).
“Vamos desenvolver métodos inovadores para diagnóstico e tratamento de câncer com base em mecanismos epigenéticos, processos biológicos que regulam a expressão de genes nas células que vão além do código de DNA. O projeto se encaixa no contexto emergente de medicina personalizada”, explica a sócia administradora e CEO da Epigenica, Bárbara Kunzler Souza, a doutora em Biologia Celular e Molecular.
A diretora do Centro de Estudos e Pesquisas em Administração e Professora da Escola de Administração da UFRGS, Daniela Brauner, e o Professor Titular do Departamento de Farmacologia da UFRGS, Rafael Roesler, participam como co-fundadores investidores da Epigenica.
A empresa foi uma das selecionadas para participar do Go.GlobalX, programa de aceleração que tem como propósito desenvolver ideias de negócios inovadores com potencial de impacto global. O programa é uma iniciativa das três universidades de Porto Alegre que compõem a Aliança para Inovação: Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), através de seus parques tecnológicos, além do Sebrae e da Unicred.
O cenário do mercado global para biotecnologia baseada em epigenética é estimado em mais de US$ 7 bilhões, com previsão de atingir mais de US$ 19 bilhões até 2026, em grande parte pela necessidade não atendida de epigenética na área de oncologia. O Brasil é considerado o País de maior mercado potencial na América Latina.
Comentários CORRIGIR TEXTO