Porto Alegre, quarta-feira, 06 de janeiro de 2021.
Dia de Reis.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 06 de janeiro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Publicada em 17h51min, 05/01/2021. Atualizada em 16h01min, 06/01/2021.

Sebrae e Instituto Caldeira apontam as startups gaúchas que devem fazer a diferença em 2021

Aegro, de agronegócios, é uma das startups mais promissoras do Estado

Aegro, de agronegócios, é uma das startups mais promissoras do Estado


Aegro/Divulgação/JC
Quais as startups gaúchas, divididas entre os segmentos que impactam diretamente a economia do Rio Grande do Sul, devemos ficar de olho em 2021? Que jovens empreendedores estão fazendo a diferença e inspirando novos projetos e iniciativas inovadoras?
Quais as startups gaúchas, divididas entre os segmentos que impactam diretamente a economia do Rio Grande do Sul, devemos ficar de olho em 2021? Que jovens empreendedores estão fazendo a diferença e inspirando novos projetos e iniciativas inovadoras?
O Sebrae RS e o Instituto Caldeira acabam de divulgar uma lista com 35 jovens empresas que prometem fazer a diferença neste ano de retomada, de verticais como agronegócio (agrietchs), varejo (retailtechs), indústria (indtechs), saúde (healthtechs), educação (edtechs), finanças (fintechs) e alimentos (foodtechs).
Warren, Aegro, James Tip, WebMed e SuiteShare são algumas delas. "É importante que todos conheçam estas startups e o que está sendo desenvolvido em termos de inovação no Estado para que inspire novos empreendedores e, também, quem já está no mercado para olhar para a inovação como uma forma de melhorar os seus negócios”, destaca a coordenadora estadual de startups do Sebrae RS, Debora Chagas.
O levantamento foi constituído a partir de uma análise do mercado de atuação destas startups, considerando aquelas que já estão consolidadas e escalando o negócio, entregando soluções para problemas reais para esses mercados. “Esse ranking evidencia as startups que estão contribuindo para a transformação dos setores econômicos que são importantes para a nossa economia e que têm potencial de tornar o nosso ambiente mais inovador e mais preparado para o futuro”, comenta Pedro Valério, CEO do Instituto Caldeira.
Confira a lista das startups destaques por verticais:
Agronegócios | Agritechs
  • Aegro
  • Checkplant
  • Cowmed
  • Elysios
  • Arpac
Varejo| Retailtechs
  • James Tip
  • Simbio
  • Suitshare
  • Kiskadi
  • Cake ERP
 Indústria | Indtechs 
  •  Prosumir
  • Sirros IOT
  • Pix Force
  • Mantoflex
  • Seculor
Saúde | Healthechs 
  • Web Med
  • Stargrid
  • Cíngulo
  • Fácil Consulta
  • Tummi
  •  
Educação | Edtechs
  • Me Salva
  • Aula Livre
  • Minha Escola
  • Diário Escola
  • Cognitiva Brasil
Finanças | Fintechs
  • Warren
  • Urbe.me
  • Captable
  • OpenBox
  • Me Empresta
Alimentos | Foodtechs
  • Saipos
  • Delivery Much
  • Cozinhe.me
  • Anota Aí
  • Loomos
  •  
Comentários CORRIGIR TEXTO