Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 08 de agosto de 2019.

Jornal do Comércio

Notícia da edição impressa de 08/08/2019.
Alterada em 07/08 às 21h16min
COMENTAR| CORRIGIR

Oracle anuncia a segunda geração do seu data center no Brasil

Nova infraestrutura amplia a robustez e a segurança, afirma Galvão

Nova infraestrutura amplia a robustez e a segurança, afirma Galvão


/ORACLE/DIVULGAÇÃO/JC
Patricia Knebel, de São Paulo
A Oracle anunciou ontem a chegada ao Brasil do Generation 2 Cloud, que estará disponível no final de agosto no data center da companhia, em São Paulo. Com essa evolução em sua infraestrutura atual, a expectativa é que os clientes passem a ter acesso a novos recursos, como o Oracle Autonomous Database, banco de dados autônomo que criptografa dados, faz backup e se ajusta e corrige automaticamente quando uma ameaça de segurança é detectada.
A novidade está sendo lançada simultaneamente nesta semana em mais três cidades: Mumbai (Índia), Sidney (Austrália) e Zurique (Suíça). A meta é ter 19 regiões no mundo até o final do ano. "Estamos elevando a nossa oferta de cloud a um novo patamar", afirma o vice-presidente sênior de Tecnologia e Inovação da Oracle América Latina, Marcos Pupo.
Notícias sobre economia são importantes para você?
>> Assine o JC e receba conteúdos como este onde você estiver. Descubra como! <<
A infraestrutura Generation 2 Cloud da Oracle inclui aplicativos baseados em Inteligência Artificial, segurança integrada em machine lerning, análise automatizada e o próprio Oracle Autonomous Database. "Com essa evolução do nosso data center, conseguimos atender ainda mais aos desafios de entregar escalabilidade, performance, robustez e segurança", relata o presidente da Oracle Brasil, Rodrigo Galvão.
O lançamento da nova geração do data center da Oracle aconteceu durante o Embrace the Transformation, evento da corporação que aconteceu ontem em São Paulo. Para o executivo, essa também é uma forma de apoiar a transformação das empresas. "A tecnologia atua como habilitadora dessa evolução toda. Queremos transformar o mundo empoderando as pessoas por meio da inovação", relata Galvão.
Como parte desse processo, com a segunda geração de cloud, a meta da Oracle é levar aos clientes os requisitos que o mundo tradicional exige, mas com vantagem de estarem adotando um modelo flexível e elástico. "Vivemos em um mundo em que as companhias precisam criar produtos novos usando cloud e, ao mesmo tempo, têm o desafio de integrar isso com legado. Esse anúncio é uma resposta a isso", complementa Pupo.
Assim que Generation 2 Cloud entrar em operação, a expectativa é que 400 clientes brasileiros da empresa, que estão usando o data center de segunda geração nos Estados Unidos, migrarão para a infraestrutura local. Da mesma forma, esse movimento também deve acontecer com boa parte dos mil clientes da empresa, que hoje mantém uma estrutura híbrida. "A Oracle tem planos agressivos de expansão para esse mercado. Vamos fazer a migração da forma mais simples possível para os clientes", conta o vice-presidente sênior de Comunicações Corporativas da Oracle, Steve Daheb.
O Brasil não estava inicialmente no roadmap da companhia para receber a segunda geração do data center neste momento. Mas os resultados da América Latina fizeram o board global olhar com mais atenção para a região. "Hoje, a receita de cloud da Oracle na América Latina já é maior que a on premise. Acelerou mais rápido aqui do que no mundo, e isso fez com que entrássemos antes do previsto", comenta Pupo.
COMENTAR| CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia

Patrícia Knebel

Ecossistemas de inovação, tendências globais para os negócios, marketing digital, as tecnologias que são os pilares da transformação digital (como mobilidade, Internet das Coisas e Big Data) e todas as novidades que impactam o comportamento dos consumidores e o futuro das empresas e das cidades estão na coluna Mercado Digital. Estou feliz por você estar aqui.