Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 15 de janeiro de 2020.

Jornal do Comércio

Notícia da edição impressa de 15/01/2020.
Alterada em 15/01 às 03h00min
COMENTAR | CORRIGIR

Frases e personagens

'Em 2020, e nos próximos anos, colheremos o que plantamos em 2019', diz Leite

'Em 2020, e nos próximos anos, colheremos o que plantamos em 2019', diz Leite


ALEXANDRO AULER/JC
"Em 2020, e nos próximos anos, colheremos o que plantamos em 2019, o ano da semeadura. Tivemos muitas dificuldades e um primeiro ano de choque. Não é algo fácil, exige paciência e resiliência, mas estamos no caminho certo." Eduardo Leite, governador do Estado.
"Em 2020, e nos próximos anos, colheremos o que plantamos em 2019, o ano da semeadura. Tivemos muitas dificuldades e um primeiro ano de choque. Não é algo fácil, exige paciência e resiliência, mas estamos no caminho certo." Eduardo Leite, governador do Estado.
"Praticamos um 'liberalismo fraterno' no governo." Waldery Rodrigues, secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia.
"Ressalto que o nosso governo tem o compromisso de apurar e sanar quaisquer irregularidades detectadas ou denunciadas e, acima de tudo, dar transparência às despesas públicas com o intuito de engajar a sociedade na fiscalização contínua dos recursos públicos." Jair Bolsonaro, presidente da República.
"É fundamental a adoção de medidas de mitigação e compensação aos agricultores atingidos (pela estiagem), o mais rápido possível." Capitão Macedo (PSL), deputado estadual.
"Contamos com, aproximadamente, R$ 2,2 milhões para investir nas estradas do Litoral Norte. Nosso compromisso é otimizar a aplicação desse montante, priorizando a recuperação do pavimento e da sinalização, de forma a oferecer retorno rápido às demandas, sem abrir mão da qualidade dos serviços." Richard Polo, diretor de Infraestrutura do Daer.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia