Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 11 de outubro de 2018.
Dia Internacional do Combate à Obesidade.

Jornal do Comércio

Notícia da edição impressa de 08/10/2018.
Alterada em 11/10 às 08h37min
COMENTAR | CORRIGIR

Didi reforça segurança para os passageiros na China

Foco é proteger principalmente o passageiro

Foco é proteger principalmente o passageiro


THIAGO COPETTI/ESPECIAL/JC
Assim como está incrementando alguns aparatos de segurança no Brasil, após comprar a plataforma de transportes 99, na China a Didi Chuxing também precisou ampliar seus sistemas de segurança. Aqui, o foco é proteger principalmente o passageiro. Neste ano, duas mulheres foram mortas por motoristas de um de seus serviços, o que levou a empresa a pedir desculpas públicas pela falha de processos e a implantar medidas de segurança para os clientes.
Além de suspender parte dos serviços, e outros deixarem de operar entre 23h e 5h, a empresa atualizou um sistema por onde o passageiro aciona a polícia e um controle de segurança da empresa caso se sinta em perigo. O botão de segurança fica visível com destaque na tela e pode ser acionado com apenas um toque.
As mortes ocorreram em um serviço de carona, chamado Pool, onde o motoristas se dispõe apenas a fazer a corrida para o mesmo lado onde está indo. O Pool foi suspenso pelos executivos da Didi.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia

Thiago Copetti

A convite do Centro Internacional de Imprensa da China, o repórter está participando de um intercâmbio no gigante asiático. No blog Conexão China, apresentará, além de informações econômicas e políticas da segunda maior economia do mundo, também curiosidades culturais e gastronômicas, dicas de turismo e como é o cotidiano da vida em Pequim.