Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 20 de agosto de 2020.
Dia do Maçom.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 20 de agosto de 2020.
Notícia da edição impressa de 20/08/2020.
Alterada em 19/08 às 21h31min

Seu Vilmar sabe das coisas

FERNANDO ALBRECHT/ESPECIAL/JC
Plantando, colhendo e vendendo é a rotina do seu Vilmar. E colhe produtos diferenciados, como esponja vegetal (penduradas no poste), porongos e mel em sua propriedade em Alvorada e outra em Eldorado do Sul. A esponja vem de uma planta semelhante ao chuchu, instrumento de limpeza que reinava absoluto antes dos sintéticos. E está pensando em aumentar a produção. Viva seu Vilmar.
Plantando, colhendo e vendendo é a rotina do seu Vilmar. E colhe produtos diferenciados, como esponja vegetal (penduradas no poste), porongos e mel em sua propriedade em Alvorada e outra em Eldorado do Sul. A esponja vem de uma planta semelhante ao chuchu, instrumento de limpeza que reinava absoluto antes dos sintéticos. E está pensando em aumentar a produção. Viva seu Vilmar.

Cafezinho frio

De todas as propostas visando mudanças no calendário eleitoral, a mais nefasta é a coincidência geral das eleições. Na teoria é uma maravilha, na prática deixará o País inteiro com meio governo. No primeiro ano, os eleitos apenas se acostumam com a máquina; no segundo, engrenam, e o motor dá o máximo no terceiro ano. No quarto, o café já está frio.

Planos de governo

O homem planeja e Deus ri, diz um antigo provérbio iídiche. Tudo o que os programas de governo de candidatos a prefeito urdiam nos primeiros meses deste ano foi por água abaixo. Quem vencer a eleição vai ter que administrar a escassez de recursos. E que não venham, em 2021, com a gasta expressão "eu não sabia". Se não sabia, não merecia.

Será o novo de novo...

Porto Alegre poderá dois candidatos a prefeito com um aspecto em comum - José Fortunati (PTB) e Sebastião Melo (MDB) foram vice-prefeitos e, logo depois, tentaram a eleição à prefeitura. Fortunati, que já tinha assumido o Paço Municipal com a saída do titular, José Fogaça (MDB), foi eleito em 2012. Melo, que tentou a sucessão, perdeu em 2016 para Nelson Marchezan Júnior (PSDB).

...ou a voz do passado?

Caso as pré-candidaturas à prefeitura de Porto Alegre se confirmem, será interessante observar se o eleitor vai preferir o novo de novo, ou desta vez vai escolher a experiência. Como haverá o ingresso de novos eleitores jovens, é difícil mensurar se este contingente levará esse fator em conta. Vai depender da concorrência.

Mão na roda

Se os vereadores de Porto Alegre estão PORRR aqui com o prefeito Nelson Marchezan, a instituição Câmara Municipal está dando um baita ajutório para a prefeitura. Repassou a ela mais R$ 2 milhões para reforçar o combate ao coronavírus valor economizado com redução de despesas. Bem, palmas para a colenda.

Rotina brasileira

A greve dos Correios é uma delas, justo agora que a nova direção estava conseguindo melhorias. Nos anos 1970, os Correios brasileiros estavam entre os três melhores do mundo. A grande virada negativa se deu quando o então presidente Lula (PT) entregou o comando ao MDB mineiro.

Uma dose de otimismo

Pela primeira vez em 16 semanas, há uma desaceleração nos novos casos de Covid-19 no Brasil como um todo, pois em alguns estados os casos já vinham diminuindo. A continuar a tendência, a previsão da Ufgrs vai se confirmando antes do previsto, uma desaceleração abrupta em setembro com pico em agosto. Oremos.

Existe algo de podre...

...no reino da Dinamarca. A citação shakespeariana cabe como uma luva no caso da menina de 10 anos estuprada e engravidada por homem já preso. A menina teve sua foto criminosamente postada nas redes sociais, enquanto que ele foi fotografado com capuz. Só dá para ver parte das mãos. É comum ver vítimas expostas e criminosos protegidos por capuz, ou em ângulo que impede ver o rosto.

Mal agradecidos

A caneta de Jair Bolsonaro liberou R$ 155 milhões para a cultura do Estado. Estranhamente, os eternos críticos do presidente desta área não acionaram as redes sociais para registrar o fato. Deve ser porque é dinheiro de direita.

Tema atualíssimo

A Sociedade de Engenharia do Rio Grande do Sul promove hoje, das 10h às 12h, por videoconferência o Sergs Debate - Equilíbrio Entre os Poderes. É um tema muito atual, porque hoje o que temos é o desequilíbrio entre os Poderes.

A quem desejar possa

Os shoppings gaúchos, em especial os de Porto Alegre, já cansaram de esperar a "flexibilização segura, necessária e coerente". Doravante, a entidade do setor, a Abrasce RS, é quem deverá fornecer informações a quem desejar possa.

Ruim de mira 2

A propósito da nota sobre uso de termômetros digitais por recepcionistas, que direcionam o equipamento a vários pontos da cabeça do cliente, o leitor Henrique Palombini conta que um atirador de elite acertou seu pulso, protegido por roupa grossa. Em breve, acertarão o joelho.

Comentários CORRIGIR TEXTO
Fernando Albrecht
Fernando Albrecht
Informações exclusivas em notas curtas, objetivas e bem-humoradas. Bastidores da política, observações econômicas, causos do cotidiano e um olhar diferenciado sobre a vida urbana estão na coluna Começo de Conversa.