Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 22 de junho de 2020.
Dia do Aeroviário.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 22 de junho de 2020.
Notícia da edição impressa de 22/06/2020.
Alterada em 22/06 às 07h54min
CORRIGIR

De tudo um pouco

/FERNANDO ALBRECHT/ESPECIAL/JC
Essa casa de produtos gaiteiros no Centro Histórico de Porto Alegre não deixa de ser um retrato de como o pequeno comércio se adapta para não fechar. Vende de tudo e mais um pouco. O manequim do piá leva até guampa de carregar líquido. Está nos trinques.
Essa casa de produtos gaiteiros no Centro Histórico de Porto Alegre não deixa de ser um retrato de como o pequeno comércio se adapta para não fechar. Vende de tudo e mais um pouco. O manequim do piá leva até guampa de carregar líquido. Está nos trinques.

Zero e abaixo de zero

De todas as aplicações para pessoa física disponíveis, a poupança sempre foi o patinho feio. Agora, ficou feeíssimo. Com a taxa Selix a 2,25% ao ano, uma poupança antiga de R$ 10 mil rende R$ 617,00 em um ano, e a de agora, R$ 175,00, observa o leitor Antonio d'Avila. Não cobre nem a inflação.

Seguro morreu de velho

A Icatu Seguros fez modificações em seus fundos de Previdência. Até 31 de julho, 75 fundos de diversos perfis têm condições de entrada a partir de R$ 100,00 mensais.

O czar Putin...

Caso alguém queira se encontrar com o czar russo Vladimir Putin, seja no Kremlin ou na sua residência particular, terá uma maratona a cumprir. Desde o tempo da URSS, os russos sempre foram paranoicos, parece que agora com razão.

...náo dá mole

O visitante tem que passar por uma sucessão de túneis, onde é bombardeado por jatos desinfetantes vindos de todos os lados. Além disso, os túneis têm sistemas de reconhecimento facial e medidores de temperatura.

O risco do teste

Gramado efetuou 590 testes em sua população fixa de 36 mil habitantes. O número de positivos foi 13, sendo que 11 estão curados. A prefeitura calcula que, se todos fossem testados, ficaria demonstrado que cerca de 600 pessoas do município já tiveram contato com o Implacável. E caso uma empresa local que testasse seus funcionários encontrasse algum positivo, a Vigilância Sanitária poderia fechá-la.

De pequeno a grande

A cidade está cheia de histórias que contam como operações gastronômicas tiveram que encolher. Mas, às vezes, é o contrário. Caso da Artezanalle, que precisou se transfomar de uma microprodução de doces finos e canapés para festas em uma confeitaria delivery com os mesmos produtos.

Limite de segurança

Com a bandeira vermelha definida para a Capital, a população de Porto Alegre não aguentará. O Interior já está mostrando aumento de casos de rebeldia. Nas rodas de papo de comerciantes, observa-se uma mudança drástica. O estado de espírito também passou da bandeira amarela para a vermelha. Há cheiro de desespero no ar.

As duas geladeiras

Corria sem grandes sustos a vida gaúcha até que apareceu o Cretino. Foi aquele alvoroço, e imediatamente os caras da Geladeira Cheia apontaram os dedos para o Zé das Couves: fica em casa! Expoente da classe Geladeira Vazia, ele obedeceu. Afinal, podia entupir hospitais e cemitérios. Passaram-se quatro meses e o Zé das Couves se viu em apuros. A patroa mostrava a geladeira (e a despensa) vazias. Sai dessa, Zé.

Ás duas geladeiras II

A turma da Geladeira Vazia começou a sair para buscar comida. Fique em casa!, disseram os caras da Geladeira Cheia. Mal e mal dominando a aritmética, Zé das Couves coçou a cabeça por não entender como em uma população de 11 milhões de pessoas apenas (para ele) 20 mil ficaram doentes, 15 mil estão curados e 400 morreram. Essa é a lógica da turma da Geladeira Vazia.

Substituição no front

Sai Abraham Weintraub e entram Fabrício Queiroz e o advogado Frederick Wassef como alvos colimados pelos meios de comunicação.

Portugal, meu avozinho I

Era assim que o jornalista Davi Nasser chamava o país que nos descobriu nos anos plúmbeos da década de 1950 - aliás, o Brasil sempre os teve. Hoje, Portugal está entre os três países mais seguros do mundo, e se não está melhor é porque o Tenebroso lhe passou uma rasteira cassando o fluxo de turistas.

Portugal, meu avozinho II

E o que pensa o povo do nosso avô sobre os dias que correm? Segundo a publicação Mundo Português, 1 milhão de portugueses já fizeram o teste do Recalcitrante, com 6,5% de positivos. Os portugas têm mais outra preocupação, as fake news. Nada menos que 3/4 da população duvida dos conteúdos da internet.

Cai cai meu balão

A s regiões Nordeste e Norte do Brasil, que entraram tarde no isolamento social, agora estão tendo queda no número de casos de coronavírus. No País como um todo acontece o mesmo, salvo na região Sul. Vai se confirmando nota desta página, de que a queda de casos no Brasil poderia se dar antes do que no Rio Grande do Sul.

Comentários
Fernando Albrecht
Fernando Albrecht
Informações exclusivas em notas curtas, objetivas e bem-humoradas. Bastidores da política, observações econômicas, causos do cotidiano e um olhar diferenciado sobre a vida urbana estão na coluna Começo de Conversa.