Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 04 de novembro de 2019.
Dia do Inventor.

Jornal do Comércio

Notícia da edição impressa de 04/11/2019.
Alterada em 03/11 às 22h02min
COMENTAR | CORRIGIR

A rampa da Vila Oliva I

FERNANDO ALBRECHT/ESPECIAL/JC
Quando e se o aeroporto de Vila Oliva decolar, quem estiver na Região da Vila Nova de Gramado poderá ver aviões decolando ou pousando no alto do morro à direita, a 15 quilômetros de Gramado e não muito longe de Caxias do Sul. Já é utilizado por aeronaves de pequeno porte, mas daí a chegar a aeroporto de verdade é outro papo. Os entusiastas da ideia dizem que já existe verba para sua construção, mas isso é apenas o início.
Quando e se o aeroporto de Vila Oliva decolar, quem estiver na Região da Vila Nova de Gramado poderá ver aviões decolando ou pousando no alto do morro à direita, a 15 quilômetros de Gramado e não muito longe de Caxias do Sul. Já é utilizado por aeronaves de pequeno porte, mas daí a chegar a aeroporto de verdade é outro papo. Os entusiastas da ideia dizem que já existe verba para sua construção, mas isso é apenas o início.

A rampa da Vila Oliva II

Construir a pista é o de menos, a operação em si é que são elas. Precisa de infraestrutura de acesso, operar a torre de controle e radar - pelas características da região precisará de ILS CAT2, o mesmo do Salgado Filho, por causa da neblina. Salvo voos charters e operação regular com pequenos aviões, como o Cessna Caravan, as grandes aéreas dificilmente instalarão a estrutura obrigatória para voar apenas três ou quatro meses por ano.

Bonito e sujinho

pg3 Ilha da Pintada - alfonso abraham

ALFONSO ABRAHAM/DIVULGAÇÃO/JC
Porto Alegre vista da Ilha da Pintada é uma boniteza. O caíque herança dos açorianos está parado não por acaso. Existem cada vez menos pescadores na ilha, e não por falta de vontade. A poluição da água vem matando os peixes. O Guaíba pode ser bonito, mas é a cloaca dos seus afluentes. Todos eles contribuem, desde resíduos de defensivos agrícolas trazidos pelo Jacuí, resíduos industriais e dejetos de toda ordem. O rio que não é rio respira por aparelhos.
 

O doutor escritor

Há duas décadas, o médico Fernando Lucchese lançava o primeiro livro da série Pílulas: Pílulas para viver melhor. De lá para cá, foram 19 outros títulos de sua autoria que somaram 2 milhões de exemplares vendidos e arrecadaram uma legião de leitores. Combinando uma abordagem científica com conselhos úteis para se ter uma vida mais saudável, sua nova obra Segunda chance - A vida depois da doença (L&PM), terá autógrafos amanhã, às 18h30min, na Feira do Livro.

Garagem agora...

Medida assinada pelo prefeito Nelson Marchezan Jr. permite que garagens em prédios passem a ser opcionais, em nome de um tal de novo conceito de urbanismo sustentável. Vejamos. Todo mundo tem carro hoje, começando a conversa, mesmo em bairros mais humildes a presença deles é significativa. Então, se o sujeito quiser um imóvel mais barato, escolhe um projeto que a dispense. Direito dele, mas, como em tudo na vida, isso tem prós e contras.

...virou supérfluo

O tal de novo urbanismo sustentável teria contemplado que o automóvel passaria a ser estacionado na rua, estreitando a via e prejudicando o fluxo? E como estamos em Porto Alegre e não em alguma capital europeia, deixar carro na rua é risco de acordar sem ele, ou dos pneus. Para os amigos do alheiro, é prato cheio. Estranha cidade onde estamos no curso primário em matéria de transporte coletivo e raciocinamos com cabeça de países de primeiro mundo.

Os campeões

Quem acha que o Enem é o campeão de bobagens escritas por alunos não conhece o Maracanã de besteiras escritos por alunos de faculdades no Interior, mas só nele. Fazem o Enem parecer a Academia Brasileira de Letras.

A falta que ela faz

A Capital tem 1,4 milhão de habitantes, centenas de churrascarias, mas, no Centro Histórico, não tem nenhuma, dentro do conceito de uma casa de carnes de primeira. E se algum turista quiser saborear a carne gaúcha na área, vai se frustrar. Nem mesmo no Mercado Público. Aliás, nem mesmo a Rodoviária tem uma. O Gauchão, que era de razoável para cima, fechou há muitos anos.

Justiça aérea

Até briga sem vítimas a lamentar acaba na Justiça. Não à toa que o Judiciário se queixa do excesso de ações, parte por motivos fúteis. Agora, são as empresas aéreas que sofrem vertiginoso aumento de ações cíveis. Em parte, porque startups ajudam os passageiros a processarem companhias aéreas por problemas na viagem. Só a United Airlines sofreu 1.895 ações ano passado, contra 171 no seu país de origem, os Estados Unidos, segundo o Estadão.

Boas-novas

O varejo brasileiro prevê o maior crescimento de vendas dos últimos seis anos para o período do Natal, segundo dados da Confederação Nacional do Comércio (CNC). A estimativa é arrecadar R$ 35,9 bilhões, o que representa 4,8% mais do que no ano passado. Como disse Papai Noel - e se não disse deveria dizer - o negócio é bom quando é bom para os dois, lojistas e consumidores.

Miúdas

  • MELANCIAS à venda na Capital nasceram em Pernambuco. Noventa por cento do custo deve ser frete.
  • INEGÁVEL. Ao longo dos anos, a Feira do Livro vem perdendo seu poder de atração e charme.
  • TAMBÉM é inegável que o fato de se ler cada vez menos é parte da explicação.
  • OUVE tempo em que se lia livros por prazer, e não por obrigação. Como disse Monteiro Lobato, uma nação se faz com homens e livros.
  • A VERDADEIRA história não é o que sucedeu, é o que pensamos que sucedeu. (Jorge Luís Borges)

Finais

  • MENUPOA da Associação Comercial homenageia, dia 11/12h, Pedro de Cesaro, presidente do Instituto de Estudos Empresariais (IEE).
  • AGÊNCIA Moove lançou a ferramenta Núcleo de Dados e Performance, parceria com a Zeeng.
  • PRAIA de Belas inaugurou, sexta-feira passada, espaços natalinos no shopping.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia