Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 20 de maio de 2019.

Jornal do Comércio

Colunas

CORRIGIR
Fernando Albrecht

Começo de Conversa

Alterada em 20/05 às 03h00min

O mundo iluminado

ITAIPU BINACIONAL/DIVULGAÇÃO/JC
Itaipu Binacional comemorou, na sexta-feira (17), 45 anos de constituição formal. Começou a opera a pleno 10 anos depois, então a maior hidrelétrica do mundo. O acumulado de energia produzida desde maio de 1984 já soma 2,63 bilhões de MWh. Essa energia toda é suficiente para iluminar o mundo inteiro por aproximadamente 40 dias. A foto é da época da sua construção.

Brasil e Argentina

A Câmara Empresarial Argentino-Brasileira do RS, que tem Pedro De Marchi Calazans na presidência, promoveu evento para discutir as perspectivas econômicas e oportunidades de negócios entre os dois países. As palestras ficaram a cargo de Marina Finestrali (analista de inteligência comercial da Fiergs) e Gustavo Segré (CEO da Consultora Center Group).

Inabilidades...

Um governo é feito de habilidades e inabilidades, não tem como escapar. A cada inabilidade necessita pelo menos três habilidades para compensar a falta de traquejo. Um quilo de acertos pesa menos que um quilo de desacertos. Isso dá uma ideia do que o governo Bolsonaro precisa fazer para compensar suas inabilidades.

...e conspirações

Relatos cada vez mais frequentes dão conta que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) resvala perigosamente para a crença que todas as críticas derivam de conspirações, não a teoria, mas a prática delas. Aquela faca fez mais que rasgar o abdômen do capitão, mexeu profundamente seu jeito de encarar a realidade.

De costas para o Guaíba...

Amyr Klink esteve em Porto Alegre a convite da Unimed/RS

Amyr Klink esteve em Porto Alegre a convite da Unimed/RS


LUIZA PRADO/JC
Conhecido pelas longas viagens à Antártida, Amyr Klink esteve em Porto Alegre a convite da Unimed/RS para compartilhar experiências. E também deu opiniões sobre a capital gaúcha. "Me incomoda uma cidade que tem porto no nome dar às costas para o Guaíba. Tinha condição de ter um parque internacional de marinas."

...e a visão de Amyr Klink

Klink avalia que a cidade deveria investir em estrutura para a navegação. "Onde estão os barcos? Onde estão os atracadouros?", provocou. 

Corrida desesperada

Dá para entender que os ônibus têm que ser ligeiros nas paradas dos corredores, para dar vazão ao fluxo de coletivos, mas não raro os motoristas não esperam nem poucos segundos para a entrada de idosos ou pessoas com dificuldades de locomoção, que correm desesperados para conseguir - em vão - entrar no ônibus.

Miúdas

  • PRESIDENTE Jair Bolsonaro falou que fora dos conchavos o Brasil é "ingovernável".
  • JOSÉ Sarney (MDB) já tinha proferido esse adjetivo ao criticar a Constituição de 1988.
  • COLISÃO de punhos, sabem o que é? É aversão modernizada do aperto de mão. E não transmite bactérias.
  • ATÉ em bairros nobres da Capital senhores sóbrios e madames bem-vestidas largam cocô de cão nas árvores. Como se ela gostasse.
  • NOITE dos Museus, no sábado, foi um sucesso de público. Pergunta que todos se faziam é se não seria o caso de promovê-la mais de uma vez por ano em Porto Alegre.

Finais

TEM QUE SE PUXAR. Amanhã às 19h30min a ADVB-RS mostra as inovações do Top de Marketing. QUEM SE PUXOU ao escrever "Lembrar é Viver" foi Décio Galimberti, que o autografa nesta quarta-feira, às 19h, na avenida Érico Veríssimo, 307, Menino Deus. OUTRA PUXADA quem deu foi o governo do Estado ao receber mais de 400 sugestões nas audiências públicas que discutiram concessões de rodovias estaduais.
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia