Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 08 de novembro de 2019.
Dia Mundial do Urbanismo.

Jornal do Comércio

Notícia da edição impressa de 08/11/2019.
Alterada em 08/11 às 03h00min
COMENTAR | CORRIGIR

Chevrolet coloca o Bolt EV em pré-venda

O carro elétrico será oferecido apenas na versão de acabamento Premier, por R$ 175 mil, inicialmente em 12 cidades: Campinas, São José dos Campos, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Florianópolis, Joinville, Recife e Vitória. Os interessados podem fazer as reservas na página da Chevrolet na internet ou em qualquer uma das 25 concessionárias credenciadas.
O carro elétrico será oferecido apenas na versão de acabamento Premier, por R$ 175 mil, inicialmente em 12 cidades: Campinas, São José dos Campos, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Florianópolis, Joinville, Recife e Vitória. Os interessados podem fazer as reservas na página da Chevrolet na internet ou em qualquer uma das 25 concessionárias credenciadas.
Além do Bolt EV, essas revendas também estarão comercializando o aparelho de recarga rápida para ser instalado na garagem do cliente. Quatro vezes mais eficiente que a recarga em uma tomada 220V convencional, o aparelho fornece uma quantidade de energia por hora suficiente para que o veículo rode aproximadamente 40 quilômetros. A recarga completa leva cerca de 10 horas.
Os carros virão equipados com uma nova geração de baterias (10% mais eficientes e com 66 kWh de capacidade), que proporcionam maior autonomia. De acordo com o ciclo norte-americano EPA, o Bolt EV percorre, em média, 416 quilômetros a cada recarga completa da bateria. Segundo a Chevrolet, o custo estimado por quilômetro rodado dele é até quatro vezes inferior ao de um modelo flex do mesmo porte - e inferior ao de híbridos também.
Como as baterias ficam sob o assoalho plano e o motor elétrico é bastante compacto, o espaço interno do Bolt EV surpreende, inclusive o do compartimento de bagagens. A capacidade de porta-malas é de 478 litros, subindo para 1.603 litros com os bancos traseiros rebatidos.
Por fora, o automóvel é compacto: são 4.165 milímetros de comprimento, 1.765 mm de largura e 1.610 mm de altura, com entre-eixos de 2.600 mm. O peso de 1,6 tonelada é distribuído de forma quase simétrica entre os eixos.
O conjunto propulsor do Bolt EV entrega 203 cv de potência e 360 Nm de torque em qualquer faixa de rotação. A segurança ativa e passiva do automóvel elétrico é elevada: além de 10 airbags, são de série assistente de permanência na faixa, alerta de ponto cego, aviso de tráfego traseiro cruzado, alerta de colisão frontal e sistema de frenagem automática com detecção de pedestres.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia
Vinicius Ferlauto
Vinicius Ferlauto
Acompanhe as informações do setor automotivo: lançamentos de veículos, inovações tecnológicas, investimentos industriais, ações de mercado, energias alternativas e o futuro da mobilidade. Tudo isso e mais em Automotor. Acelere comigo!