Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 05 de novembro de 2019.
Dia Nacional da Cultura, Dia do Cinema Brasileiro e Dia do Designer.

Jornal do Comércio

Panorama

COMENTAR | CORRIGIR

Música

Edição impressa de 05/11/2019. Alterada em 05/11 às 03h00min

Maria Bethânia apresenta show inédito na reabertura do Salão de Atos da Pucrs

Além de mostrar novas canções, artista será homenageada com o Mérito Cultural da universidade

Além de mostrar novas canções, artista será homenageada com o Mérito Cultural da universidade


CAMILA CARA/DIVULGAÇÃO/JC
Uma das maiores cantoras do Brasil, Maria Bethânia se apresenta nesta terça-feira (5/11), às 21h, em espetáculo que marca a reabertura do Salão de Atos da Pucrs (Ipiranga, 6.681). Em seu novo show, Claros breus, a artista baiana inclui canções inéditas de compositores como Adriana Calcanhoto, Chico César, Roque Ferreira e Flávia Wenceslau. Também haverá espaço para clássicos de sua obra, como Drama (Caetano Veloso) e Olhos nos olhos (Chico Buarque). Os ingressos para a apresentação estão esgotados.
Uma das maiores cantoras do Brasil, Maria Bethânia se apresenta nesta terça-feira (5/11), às 21h, em espetáculo que marca a reabertura do Salão de Atos da Pucrs (Ipiranga, 6.681). Em seu novo show, Claros breus, a artista baiana inclui canções inéditas de compositores como Adriana Calcanhoto, Chico César, Roque Ferreira e Flávia Wenceslau. Também haverá espaço para clássicos de sua obra, como Drama (Caetano Veloso) e Olhos nos olhos (Chico Buarque). Os ingressos para a apresentação estão esgotados.
Na ocasião, a cantora receberá o Mérito Cultural da universidade. De acordo com o diretor do Instituto de Cultura da Pucrs, Ricardo Barberena, a honraria concedida a Bethânia se deve às cinco décadas de contribuição da cantora à cultura brasileira. "É motivo de espetáculos, documentários, livros e, sobretudo, de orgulho para a cultura nacional", afirma. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia