Porto Alegre, segunda-feira, 01 de fevereiro de 2021.
Dia do Publicitário.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 01 de fevereiro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Aviação

- Publicada em 03h00min, 01/02/2021.

Azul retornas operações em Passo Fundo a partir de maio

Prazo estimado segue o calendário de conclusão das obras de melhorias no Aeroporto Lauro Kortz

Prazo estimado segue o calendário de conclusão das obras de melhorias no Aeroporto Lauro Kortz


/Alex Borgmann/passo fundo/jc
A partir de 12 de maio, a cidade de Passo Fundo, no norte do Rio Grande do Sul, voltará a receber aeronaves da Azul. Com a previsão da conclusão das obras de ampliação e modernização do aeroporto Lauro Kortz, que inclui a reconstrução da pista de pouso e decolagem além de outras melhorias de segurança, a companhia passará a ofertar três voos diários ligando a cidade gaúcha com Viracopos, em Campinas/SP.
A partir de 12 de maio, a cidade de Passo Fundo, no norte do Rio Grande do Sul, voltará a receber aeronaves da Azul. Com a previsão da conclusão das obras de ampliação e modernização do aeroporto Lauro Kortz, que inclui a reconstrução da pista de pouso e decolagem além de outras melhorias de segurança, a companhia passará a ofertar três voos diários ligando a cidade gaúcha com Viracopos, em Campinas/SP.
As passagens para os voos, que seguirão os protocolos sanitários adotados pela empresa desde o início da pandemia, estarão disponíveis para compra em todos os canais oficiais da Azul.
Voando a bordo das aeronaves Embraer 195 E1, para 118 lugares, o cliente passo-fundense poderá se conectar para outros 60 destinos nacionais com uma conexão em Viracopos, principal centro de conexões da Azul no Brasil. Do aeroporto campineiro também será possível acessar a malha internacional da Azul, que oferece ligações para os Estados Unidos, via Fort Lauderdale, e Portugal, pousando em Lisboa.
"Estamos felizes em poder anunciar o retorno das nossas operações em Passo Fundo, que é uma base muito importante para a Azul, e com isso voltar a atender a localidade conectando a cidade com todos os destinos operados pela companhia", ressalta Vitor Silva, gerente de Planejamento de Malha da Azul.
A Azul reforçou a limpeza de suas aeronaves a cada voo e à noite, seguindo os protocolos sugeridos pela IATA e Anvisa. A companhia também foi a primeira do país a tornar obrigatório o uso de máscaras por tripulantes e clientes, tanto a bordo quanto em solo. Em outra iniciativa pioneira, a Azul passou a medir a temperatura dos Tripulantes a cada início de turno, aumentando a confiança em solo e a bordo e preservando a vida e a segurança de todos.
A companhia tem orientado o check-in pelo aplicativo e, para aqueles que precisa despachar a bagagem, sugere o uso das bancadas digitais de autoatendimento, em que o próprio cliente etiqueta sua bagagem sem contato com a tela dos tablets. Para o embarque, a Azul lançou o Tapete Azul, tecnologia pioneira no mundo, que é composto por um conjunto de projetores e monitores.
Por meio de realidade aumentada, projetores no chão formam um tapete virtual colorido e móvel que convida a pessoa a se posicionar na fila de acordo com seu número de assento. A inovação vem proporcionando uma diminuição de cerca de 25% no tempo em que uma pessoa leva entre embarcar e sentar dentro do avião e, de quebra, contribui para o distanciamento social, já que os clientes convocados para o embarque ficam a quatro metros de distância entre si.
A bordo da aeronave, lenços umedecidos estão à disposição para uso dos clientes e dos Tripulantes da Azul e sachês de álcool em gel são distribuídos a todos os viajantes. A companhia também tem utilizado descontaminantes bactericidas que contam com um princípio ativo que elimina vírus e bactérias em 99,99% dos casos.
Além disso, a empresa também adotou o sistema de raio ultravioleta da Honeywell para a limpeza do interior de suas aeronaves. O UV Treatment System é capaz de auxiliar a limpeza do interior de uma aeronave em menos de 10 minutos. A tecnologia representa uma camada a mais de segurança que será gradualmente introduzida na frota da Azul, a primeira empresa aérea da América Latina a trazer essa inovação.
Somando-se a isso e à limpeza dupla nos assentos, mesinhas, bolsão, banheiros, encosto de cabeça, cinto de segurança, janela, paredes e compartimentos superiores, a Azul vem atendendo todas as normas de procedimento de limpeza e desinfecção sugeridas pelas autoridades sanitárias. O serviço de bordo passou a ser realizado ao final do voo, garantindo o uso da máscara durante toda a viagem, e o desembarque agora é realizado por fileiras, evitando as costumeiras aglomerações no corredor no momento de saída da aeronave.
Comentários CORRIGIR TEXTO