Porto Alegre, quarta-feira, 23 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 23 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Leitura

- Publicada em 03h00min, 11/03/2020. Atualizada em 08h57min, 11/03/2020.

Holding e o planejamento

A criação de uma holding foi, por muito tempo, uma possível solução para melhorar os negócios como um instrumento de planejamento tributário ou sucessório. Na prática, holding é um termo utilizado para designar uma sociedade com o propósito de administrar um grupo de empresas e, mesmo com um debate em torno do assunto, ainda não existem tantas informações sobre o modelo na área contábil.
A criação de uma holding foi, por muito tempo, uma possível solução para melhorar os negócios como um instrumento de planejamento tributário ou sucessório. Na prática, holding é um termo utilizado para designar uma sociedade com o propósito de administrar um grupo de empresas e, mesmo com um debate em torno do assunto, ainda não existem tantas informações sobre o modelo na área contábil.
Escrito por Elaine Cristina de Araujo e Arlindo Luiz Rocha Junior, o livro "Holding - visão societária, contábil e tributária" objetiva a apresentação de informações sobre a holding por um prisma além da questão jurídica. Na publicação, os autores abrangem as áreas que acompanham o tema das holdings, com explicações breves e com base na legislação vigente.
De forma didática e acessível, os autores também apresentam a preocupação com a clareza, também para facilitar a vida dos profissionais atuantes e servir como livro de consulta para eles. Dentre os assuntos abordados no livro, é comum a conceituação sobre termos como: tipos societários para criação, objeto social, investidor-anjo, goodwill, blindagem patrimonial.
Ainda, os autores abordam questões sobre tratamento contábil, distribuição de lucros, notas explicativas, investimento no exterior (com um caso prático) e as vantagens e desvantagens na criação de uma holding. Também, a obra se destina à questão tributária, relacionando assuntos como: regimes tributários, tributos incidentes, tributação do resultado e exemplo de demonstração dos resultados auferidos no exterior na ECF, partes relacionadas e juros sobre o capital próprio.
A obra é indicada para profissionais da contabilidade, administração e tributário que atuam em holdings ou empresas pertencentes ao sistema, bem como estudantes de Ciências Contábeis que buscam entender mais sobre o funcionamento contábil dentro de um sistema de holdings. Em mais de 240 páginas, Elaine e Arlindo buscam oferecer ao leitor um panorama geral dos impactos internos na questão das holdings, assim como um análise aprofundada sobre o sistema.
Holding - visão societária, contábil, e tributária; Elaine de Araujo e Arlindo Rocha Junior; Editora Freitas Bastos; 248 páginas; R$ 120,00
Comentários CORRIGIR TEXTO