Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 04 de janeiro de 2019.

Jornal do Comércio

JC Contabilidade

COMENTAR | CORRIGIR

Gestão

Edição impressa de 19/12/2018. Alterada em 19/12 às 01h00min

IIA Brasil e IBGC lançam guia detalhado sobre a auditoria interna

Documento é resultado de quase um ano de estudos realizados por executivos

Documento é resultado de quase um ano de estudos realizados por executivos


/KATEMANGOSTAR/FREEPIK.COM/DIVULGAÇÃO/JC
São mais de 50 páginas de valioso conteúdo, que une auditoria interna e governança corporativa. Dois dos mais respeitados institutos do País, que atuam na promoção da ética, transparência e boas práticas de gestão de empresas públicas e privadas, juntaram-se, para editar o guia "Auditoria Interna - aspectos essenciais para o conselho de administração". O documento é resultado de quase um ano de estudos realizados por executivos do Instituto dos Auditores internos do Brasil (IIA Brasil), e pelo Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC), contando ainda, com o apoio da consultoria global PwC.
O Guia foi apresentado na manhã desta sexta-feira (14), em um hotel na capital paulista, durante um seminário organizado pelo IIA Brasil, com a promoção de um debate sobre as expectativas de comitês de auditoria em relação à auditoria interna. "O evento marca não somente o lançamento do Guia para nossos auditores associados, mas também o anúncio do fortalecimento da parceria entre o IIA Brasil e o IBGC, juntos, como promotores de valores éticos e de conhecimentos técnicos, capazes de contribuírem na formação de profissionais mais íntegros e preparados para os desafios do mercado", comenta Braselino Assunção, diretor-geral do IIA Brasil.
O documento, que será disponibilizado gratuitamente, visa mostrar que a auditoria interna pode interagir e colaborar com as áreas de controles internos, riscos e compliance, contribuindo para uma melhoria contínua dos processos nas organizações. Para Heloisa Bedicks superintendente-geral do IBGC, a atividade de auditoria é um instrumento relevante no fortalecimento das empresas. "Ela ajuda as organizações a gerir metas, avaliar riscos, melhorar controles e evitar perdas. Apesar de sua reconhecida importância, há muito trabalho a ser feito: os conselheiros de administração carecem de mais conhecimento sobre a inserção da auditoria interna no contexto da governança", diz a executiva.
O conteúdo do livro é abrangente e considera os mais diversos tipos e tamanhos de organizações, sejam públicas ou privadas, e não destaca setores específicos. Visa despertar em auditores, conselheiros e executivos, o valor da função de auditoria interna.
Outro ponto central é o de esclarecer sobre as responsabilidades do comitê de auditoria. Segundo Rene Andrich, presidente do conselho de administração do IIA Brasil e integrante do grupo de trabalho que coordenou o Guia, muitos conselheiros de administração desconhecem a amplitude de atuação da equipe da auditoria interna. "Eles compreendem mais sobre auditoria externa, mas têm pouco conhecimento sobre a interna, sobre os seus benefícios, e o que a área pode trazer para os mais altos níveis de governança da organização. Neste material é tratado questões que envolvem qualificação e certificação de profissionais, incluindo uma sugestão de avaliação da própria área. Para esses executivos, a publicação terá grande valia", revela Rene Andrich.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
CEZAR NASCIMENTO-CCB BRASIL BANK 04/01/2019 01h35min
Parabéns ao IIA e a IBGC pelo excelente trabalho desenvolvido, cuja área de Auditoria Interna se fortalece a cada momento, com o incremento de novas ideias e métodos de aprimoramento das ferramentas criadas para melhoria dos conceitos aplicados. Esse trabalho, traduz a confiança que tanto o mercado necessita, convergido para o viés da boa governança com aumento do grau de maturidade do nível de excelência das melhores práticas de COMPLIANCE. Cordialmente, Cezar Nascimento-JPA/PB-CCB Brasil Bank