Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 22 de agosto de 2018.
Dia do Folclore.

Jornal do Comércio

JC Contabilidade

COMENTAR | CORRIGIR

Empreendedorismo

Edição impressa de 22/08/2018. Alterada em 22/08 às 01h00min

Sebrae busca simplificar acesso de pequenos a compras governamentais

O Sebrae convidou empreendedores que buscam ou já realizam negócios com a administração pública a contribuir com sugestões de melhorias para simplificar o acesso dos pequenos negócios às compras governamentais. Em um workshop realizado neste mês, micro e pequenas empresas, microempreendedores individuais e cooperativas da agricultura familiar se reuniram com o Ministério do Planejamento para propor a resolução de problemas comuns de acesso ao Portal Comprasnet e colaborar para o desenvolvimento de um aplicativo mobile de compras, que o governo irá disponibilizar até o final do ano.
"É a primeira vez que está sendo realizado um trabalho desses, em que o governo convida, por intermédio do Sebrae, os empresários para ouvir a opinião deles. Esse diálogo que estamos proporcionando com o governo, para melhorar e simplificar o sistema ao máximo, vai permitir que mais pequenos negócios acessem o portal", explica Denise Donati, da Unidade de Políticas Públicas e Desenvolvimento Territorial e coordenadora do Projeto de Compras Governamentais do Sebrae.
A solução dos fornecedores, construída no workshop, seguiu a metodologia Design Sprint. O método pressupõe a montagem de uma "sala guerra", onde durante dois dias são realizadas análise, diagnóstico, seleção das alternativas mais vantajosas e a construção de um modelo funcional, que é testado com o usuário no final do processo. Daniele Borges, coordenadora do Sistema de Compras Governamentais do Ministério do Planejamento, elogiou a metodologia proposta.
"Estamos conseguindo ouvir os usuários, suas demandas e ter uma aproximação com o fornecedor para validar suas necessidades, além de conhecer dificuldades que não sabíamos", ressaltou.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia