Porto Alegre, segunda-feira, 11 de outubro de 2021.
Dia Internacional do Combate à Obesidade. Feriado nos EUA: Columbus Day.
Porto Alegre,
segunda-feira, 11 de outubro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Com a palavra

- Publicada em 10/10/2021 às 17h42min.

Brocker aposta na retomada do turismo na Serra Gaúcha

Com 26 anos de atividades, Brocker Turismo investe em novos serviços, explica Carlise Bianchi

Com 26 anos de atividades, Brocker Turismo investe em novos serviços, explica Carlise Bianchi


Brocker Turismo/Divulgação/JC
Vanessa Ferraz
A Brocker Turismo iniciou seus trabalhos como agência de viagens há 26 anos. De lá para cá, a empresa que vendia viagens aos moradores de Gramado e Canela, expandiu e modernizou suas operações. Atualmente, 80% dos serviços estão voltados para receber os turistas de outros lugares que queiram conhecer a região da Serra. Com o potencial de cuidar desde o desembarque do passageiro no aeroporto até o roteiro dos seus passeios, o receptivo da empresa é referência para grandes operadores que fomentam o turismo para essas cidades, como no caso da Azul Viagens.
A Brocker Turismo iniciou seus trabalhos como agência de viagens há 26 anos. De lá para cá, a empresa que vendia viagens aos moradores de Gramado e Canela, expandiu e modernizou suas operações. Atualmente, 80% dos serviços estão voltados para receber os turistas de outros lugares que queiram conhecer a região da Serra. Com o potencial de cuidar desde o desembarque do passageiro no aeroporto até o roteiro dos seus passeios, o receptivo da empresa é referência para grandes operadores que fomentam o turismo para essas cidades, como no caso da Azul Viagens.
"O destino da Serra Gaúcha dentro do que a gente chama de produto de 'Brasil para brasileiro' foi um dos mais vendidos na retomada de mercado", destaca a diretora comercial e de marketing, Carlise Bianchi. Entre os motivos da preferência, estão a qualidade do serviço e os produtos de lazer que as cidades oferecem. Neste quesito a Brocker está sempre inovando em criar novas modalidades de entretenimento.
No final do ano passado, a novidade foi o Bustour Illumination Show, que se trata de um ônibus que comporta uma arquibancada itinerante e transita por alguns espetáculos natalinos. A atração foi responsável por atrair 11 mil espectadores durante a temporada de natal, o que foi significativo para as receitas da empresa depois das perdas no ano marcado pela pandemia. Em menor escala, a Brocker presta serviço a feiras, eventos e congressos corporativos. Em 2022, estarão presentes como agência oficial da 24ª edição das Surdolimpíadas, prevista para acontecer em maio, em Caxias do Sul.
JC Empresas & Negócios - Como a Brocker Turismo passou de agência de viagens a uma empresa com tantas frentes de atuação?
Carlise Bianchi - A Brocker Turismo nasceu em Canela e completou 26 anos de mercado. Nos primeiros cinco anos funcionamos como agência de viagens, vendendo pacotes para os moradores de Canela e Gramado com destino a outros estados e ao exterior. A partir daí, passamos a desenvolver uma atividade que é o "receptivo" na Serra. E hoje, 80% da empresa trabalha em prol desta função.
JC - O que abrange a atividade de "receptivo"?
Carlise - É receber as pessoas que vêm de outros lugares. O nosso maior portão de recebimento é via aeroporto de Porto Alegre, a gente recebe clientes das mais variadas localidades do Brasil que vêm para a serra gaúcha. Buscar após o desembarque, levar para o hotel, encaminhar para os passeios, vender ingressos dos parques da cidade. A gente consegue planejar toda a viagem do turista que vem à nossa região.
E&N - As operadoras de turismo também procuram os serviços da Brocker?
Carlise - Atendemos a Azul Viagens que é a operadora da Azul linhas aéreas, quando o destino dos clientes das operadoras é a região de Gramado e Canela, eles compram tudo com a agente. Somos o braço de várias operadoras grandes que vendem turismo destino à Serra Gaúcha, o nosso serviço de "receptivo" é muito procurado. Os moradores de outras regiões do Brasil sabem que vale a pena conhecer a Serra, mas não fazem ideia de como, nem o que vale a pena visitar. Então nós fazemos esse trabalho.
E&N - Como está a procura pelos serviços, neste segundo semestre, com o aumento da vacinação e demais flexibilizações?
Carlise - Há um aumento de 25% no número de passageiros que procuraram a Brocker, desde o momento que a gente conseguiu retomar as atividades neste ano, em comparação ao mesmo período de 2019 (em razão de 2020 ter sido muito afetado pelo isolamento social, não está sendo utilizado como parâmetro). Durante a pandemia, a Serra Gaúcha, dentro das possibilidades de destinos nacionais, foi um dos mais procurados pelos brasileiros.
E&N - O que atrai tanto para a nossa região?
Carlise - Temos uma boa gastronomia, uma entrega de serviços qualificada que é muito superior a muitos lugares, um vasto entretenimento. Temos parques que são únicos, como por exemplo: Skyglass, Snowland, Alpen Park. Esses elementos atraíram a atenção do público e se mostram como uma ótima opção, principalmente para aqueles que não pretendem ir ao exterior mesmo com as fronteiras abertas, muito em razão do preço elevado do dólar.
E&N - Como nascem as ideias para os produtos de lazer da Brocker?
Carlise - A gente sempre olhou para frente, estamos sempre inquietos, nós temos uma equipe de líderes que nos ajuda a desenvolver e contribuem para que esses produtos sejam formatados, desde a parte da sua concepção, da operação do produto, e da entrega para o mercado enquanto marketing. A criação de produtos é o nosso grande diferencial. Em 2013 nós trouxemos um produto para a Serra, único e exclusivo, que é o Bustour, um ônibus vermelho de dois andares que tem em algumas cidades da Europa. Na ocasião, a minha sócia foi a uma missão internacional na Espanha e acompanhou esse modelo de negócio lá na íntegra. Nós levamos 10 anos para desenvolver esse produto como gostaríamos que é o ônibus hop-on, hop off que só existe em Canela e Gramado neste formato: o cliente compra o ticket e desce nos mais de 37 pontos que o Bustour conecta, entre as duas cidades. Outro inédito é o Bus Bier Tour que é um ônibus temático que percorre uma rota por três cervejarias artesanais da região. E agora por último, o Tour Pé da Cascata Explorer que é um passeio exclusivo, feito com um caminhão temático que leva as pessoas até o pé da cascata do parque do Caracol.
E&N - E no ramos dos eventos?
Carlise - Com o passar dos anos a Brocker expandiu muito atuação, dentro de todos os núcleos da empresa um dos mais fortes além do lazer e do mercado receptivo é o núcleo do Mercado Mais, que abrange os eventos, as feiras e congressos e corporativos. Não somos uma organizadora de eventos, nós somos uma prestadora de serviço para o Mercado Mais.
E&N - Como está a recuperação do ramo de eventos?
Carlise - Esse setor foi muito impactado, e hoje, já demonstra uma franca recuperação. Tanto que nós somos a agência oficial das Surdolimpíadas no ano que vem, em Caxias do Sul, e que vai contar com mais de sete mil pessoas entre atletas e participantes.
E&N - Como a empresa lidou com o momento de crise no ano passado?
Carlise - Quando fechamos as portas em março de 2020, nunca deixamos de pensar e construir. Criamos um comitê interno com pessoas estratégicas da nossa equipe, onde houve distribuição de tarefas, como reacomodar todos os clientes que estavam preparados para vir e acabaram impossibilitados. Mas todo o tempo nos mantivemos criando e entregando aos nossos clientes e colaboradores, chegamos a promover 200 capacitações online. E neste ínterim surgiu a ideia do Bustour Illumination Show em setembro de 2020. Começamos a conceber o produto, geramos 120 empregos para o meio artístico que estava totalmente sem trabalho e chegamos a 11 mil espectadores durante a temporada de Natal, gerando um ganho financeiro e uma rentabilidade totalmente inesperada para aquela situação.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO