Porto Alegre, sexta-feira, 14 de janeiro de 2022.
Porto Alegre,
sexta-feira, 14 de janeiro de 2022.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Clima

- Publicada em 14/01/2022 às 16h20min.

Irga revela perdas pontuais nas lavouras de arroz

Casos mais graves estão localizados na área Central do Estado

Casos mais graves estão localizados na área Central do Estado


FAGNER ALMEIDA/DIVULGAÇÃO/JC
Apesar da estiagem, a situação da cultura de arroz irrigado nas seis regiões arrozeiras do Estado vem se desenvolvendo de forma satisfatória, de acordo com boletim do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) divulgado nesta sexta-feira (14). Foram registradas, até o momento, apenas perdas e deficiências hídricas pontuais. Esses casos se agravam a cada dia, mas poderão ser amenizados se houver chuvas nas próximas semanas.
Apesar da estiagem, a situação da cultura de arroz irrigado nas seis regiões arrozeiras do Estado vem se desenvolvendo de forma satisfatória, de acordo com boletim do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) divulgado nesta sexta-feira (14). Foram registradas, até o momento, apenas perdas e deficiências hídricas pontuais. Esses casos se agravam a cada dia, mas poderão ser amenizados se houver chuvas nas próximas semanas.
Os casos mais graves estão localizados na área Central do Estado. Conforme levantamento das equipes da regional, a situação vem se agravando principalmente nas lavouras irrigadas por pequenos rios e arroios, que já apresentam vazão insuficiente para irrigação, em especial nos municípios do 27º Nate de Candelária. Pelo menos 10% da área da região está com problemas de irrigação. Se não houver chuvas intensas nos próximos dias, as perdas na produtividade podem ser significativas.
“Entre segunda (17) e terça-feira (18), a frente fria ganhará força, devendo provocar chuva mais intensa nas regiões de fronteira com o Uruguai. Depois, entre os dias 19 e 29 de janeiro, a chuva será intercalada por períodos de melhoria no tempo. Ou seja, chuva intercalada com períodos em que o sol aparecerá”, afirma a meteorologista Jossana Ceolin Cera, consultora do Irga
Esse é o segundo boletim divulgado pelo Irga sobre a estiagem no RS, referente ao período de 7 a 14 deste mês. Os dados foram elaborados pelo Comitê de Monitoramento da Estiagem do Irga, a partir de informações coletadas junto aos produtores pelas equipes dos Núcleos de Assistência Técnica e Extensão Rural (Nates) da autarquia.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO