Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 11 de abril de 2018.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Ensino Superior

10/04/2018 - 20h47min. Alterada em 11/04 às 00h07min

Justiça suspende eleição para direção do DCE da Pucrs

Estudantes contrários à convocação da eleição se reuniram no campus da universidade

Estudantes contrários à convocação da eleição se reuniram no campus da universidade


Divulgação/JC
Foi suspensa a eleição para o Diretório Central de Estudantes (DCE) da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (Pucrs). A decisão foi tomada na tarde desta terça-feira (10) pela juíza Nelita Teresa Davoglio, da Vara Cível do Foro do Partenon, em Porto Alegre. A liminar para o cancelamento foi solicitada pelos diretórios acadêmicos de Teologia e Psicologia. 
No início da noite dessa segunda-feira (9), houve um princípio de confusão na frente da sede do DCE, após ter sido aberta a eleição para comandar a entidade e que contava com apenas uma chapa inscrita. O conflito teve de ser contido pela Brigada Militar, que agiu lançando spray de pimenta contra os estudantes. 
No despacho, a juíza reconhece que a atual gestão do DCE não publicou o edital de convocação da eleição, antes dos 30 dias exigidos tanto no estatuto como no Regimento Geral do diretório para processos de votação. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia