Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 04 de abril de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Inter

04/04/2018 - 14h44min. Alterada em 04/04 às 14h49min

Inter reinaugura placa em homenagem a Fernandão por gol 1000 em Grenais

Presidente Marcelo Medeiros (e) inaugurou a placa ao lado da esposa de Fernandão, Fernanda Bizotto

Presidente Marcelo Medeiros (e) inaugurou a placa ao lado da esposa de Fernandão, Fernanda Bizotto


Mariana Capra/Internacional/Divulgação/JC
O Internacional reinaugurou na manhã desta quarta-feira (4), no estádio Beira-Rio, ao lado do memorial que relembra a trajetória de Fernandão, uma placa em homenagem ao jogador que morreu de forma trágica em 2014 e ao gol 1000 do time na história do clássico Grenal.
O atacante marcou este milésimo gol em sua partida de estreia pela equipe colorada, no 360º confronto entre Internacional e Grêmio, em julho de 2004. Ele depois se tornaria um grande ídolo do time colorado, pelo qual foi campeão da Copa Libertadores e do Mundial de Clubes da Fifa, em 2006, e ainda faturou a Recopa Sul-Americana de 2007 e os troféus do Campeonato Gaúcho em 2005 e 2008.
Para marcar o feito, o Inter instalou uma placa no Beira-Rio dias após aquele Grenal de 2004, mas a homenagem se perdeu durante a reforma do estádio para a Copa do Mundo de 2014. Agora, uma réplica idêntica foi reinaugurada em uma cerimônia que contou com a presença presidente do clube, Marcelo Medeiros, de outros dirigentes colorados e também de Iarley, que foi companheiro de equipe de Fernandão.
Na cerimônia desta quarta, a placa foi desfraldada pela viúva de Fernandão, Fernanda Bizotto, e a homenagem ocorreu no mesmo dia em que o Internacional completa 109 anos de existência. O ídolo colorado morreu após ser vítima de um acidente de helicóptero em junho de 2014.
Ao discursar durante a cerimônia, Marcelo Medeiros destacou a importância do atleta para o colorado. "Tem ídolos que precisam ser lembrados por nome e sobrenome. Fernando Lúcio da Costa é um desses. É uma emoção muito grande lembrar dele ainda mais no dia do nosso aniversário".
Eliminado justamente pelo Grêmio nas quartas de final desta edição do Campeonato Gaúcho, o Inter só voltará a jogar na próxima quarta-feira, quando enfrenta o Vitória, às 19h30, no Beira-Rio, pela Copa do Brasil.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia