Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 29 de abril de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Varejo

Notícia da edição impressa de 27/04/2018. Alterada em 29/04 às 11h29min

Produtos de beleza lideram compras para o Dia das Mães

Gasto médio com os presentes vai ficar em torno de R$ 173,00

Gasto médio com os presentes vai ficar em torno de R$ 173,00


MARCELO G. RIBEIRO/JC
Pesquisa realizada pelo Sindilojas Porto Alegre indica a intenção de compras para o Dia das Mães. Pela primeira vez desde que o levantamento passou a ser realizado, itens de perfumaria, cosméticos e maquiagem (26,4%) ultrapassaram roupas (25,6%) na preferência dos compradores. Em comparação com 2017, roupas eram a preferência de 38,7% dos pesquisados, enquanto produtos de beleza apareciam com 27%. Em 2018, calçados estão em terceiro lugar nas intenções (13,8%), seguidos por flores (11,8%) e acessórios (9,9%).
A data movimentará R$ 174 milhões em Porto Alegre, um número que mostra estabilidade em comparação ao Dia das Mães do ano passado. Cada consumidor deve comprar, em média, 1,6 presentes. "O crescimento nas vendas de produtos de beleza pode ser explicado pelo número de presentes comprados por pessoa. Como ele é acima de uma única lembrança, produtos de perfumaria, cosméticos e maquiagem servem também como presente complementar para as mães ou entram em kits. Assim, o comprador pode adquirir, por exemplo, uma peça de roupa e um item de beleza, o que é favorável ao comércio e deixa as presenteadas ainda mais felizes", explica o presidente do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse.
O gasto médio somando todos os presentes comprados será de R$ 277,00, com um tíquete médio de R$ 173,00. 41,4% dos consumidores comprarão à vista em dinheiro; 31,3%, com cartão de crédito parcelado; e 17,7%, com cartão de débito. As lojas de rua foram escolhidas por 50,2% dos pesquisados que farão as compras, enquanto 41,9% comprarão em shoppings, e apenas 4,7% pela internet.
Além disso, a pesquisa ainda mostra que, no total, 76% dos entrevistados comprarão, no máximo, com sete dias de antecedência. Metade das compras será realizada na semana da data, enquanto 19% dos entrevistados comprarão na véspera e 7%, no próprio Dia das Mães, 13 de maio.
Essa tendência mostra que o porto-alegrense não se antecipa para realizar essa compra: apenas 24% dos entrevistados comprarão os presentes com 15 dias ou mais de antecedência. O levantamento também mostra que 86,5% dos entrevistados pretendem escolher e comprar sozinhos os presentes. Apenas 13,5% deles irão comprar acompanhados ou escolherão com outras pessoas, mas pagarão sozinhos.
A pesquisa foi realizada pelo Núcleo de Pesquisa do Sindilojas Porto Alegre e entrevistou homens e mulheres, das classes A, B, C, D e E, na Capital.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia