Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 22 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Urbanismo

22/03/2018 - 12h40min. Alterada em 22/03 às 22h39min

Prefeitura adia apresentação de propostas de interessados para operar na Orla do Guaíba

O valor mínimo do aluguel do restaurante panorâmico é de R$ 9.250,00

O valor mínimo do aluguel do restaurante panorâmico é de R$ 9.250,00


JOEL VARGAS/PMPA/JC
Bruna Oliveira
Foi prorrogada para os dias 19 e 20 de abril a apresentação das propostas dos interessados para a operação dos quatro bares e do restaurante panorâmico que integram o Parque Urbano da Orla do Guaíba. A seleção das propostas seria realizada por meio de pregões eletrônicos nesta quinta (22) e amanhã. A medida também estende o prazo contratual previsto em edital, que era de 24 meses prorrogáveis por mais 24 meses, para 36 meses prorrogáveis por igual período.
O secretário municipal de Parcerias Estratégicas, Bruno Vanuzzi, afirmou que o adiamento foi um pedido da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrascel-RS) e do Sindicato de Hospedagem e Alimentação de POA e Região (Sindha), entidades que representam o setor em Porto Alegre.
"As entidades realizaram algumas visitas ao local com a Prefeitura e grupos de empresários e identificaram um grande interesse. Mas como é um setor que não está acostumado a lidar com processos licitatórios,  houve este pedido para que os prazos fossem ampliados e os interessados pudessem participar", afirmou Vanuzzi.
Além das alterações de data e de prazo, as entidades ainda solicitaram uma definição da Prefeitura quanto ao funcionamento dos estacionamentos na região. A partir desta demanda, foi definido que a faixa lateral da avenida Edvaldo Pereira Paiva no sentido bairro-centro vai ser liberada para uso de estacionamento durante 24h. No sentido contrário, centro-bairro, será liberada das 20h até as 6h. Das 10h às 16h o espaço também ficará liberado para carga e descarga dos estabelecimentos. As alterações devem ocorrer junto com a entrega do Parque. 
Os quatro espaços comerciais destinados a bares têm cerca de 190 metros quadrados de área interna cada um, incluindo área de atendimento, sanitários, depósitos e cerca de 400 metros quadrados de área externa. As quatro lojas são destinadas exclusivamente a serviços de alimentação e bebidas, como bar, café, lancheria, pizzaria sem forno a lenha, confeitaria, restaurante e sorveteria.
Já o restaurante panorâmico tem 282 metros quadrados de área interna, instalado junto ao ancoradouro para embarcações turísticas. O valor mínimo do aluguel constante no edital é de R$ 9.250,00. O espaço tem sanitários masculinos e femininos, com acessibilidade, vestiários para funcionários, balcão de atendimento ao público, área de preparo de alimentos e salão panorâmico.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia