Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 08 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Fórmula 1

Notícia da edição impressa de 09/03/2018. Alterada em 08/03 às 21h50min

Sebastian Vettel lidera penúltimo dia de treinos no circuito da Catalunha

Piloto da Ferrari cravou 1min17s182, recorde não oficial da pista

Piloto da Ferrari cravou 1min17s182, recorde não oficial da pista


/JOSEP LAGO/AFP/JC
Em um dia mais voltado às simulações de corrida, o alemão Sebastian Vettel voltou a liderar os testes da pré-temporada da Fórmula 1, nesta quinta-feira, em Barcelona, na Espanha. O piloto da Ferrari rompeu a barreira do 1min18 e acumulou alta quilometragem no traçado. Por causa do foco nas simulações, a penúltima sessão de testes antes do início da temporada foi marcada por surpresas.
Vettel alcançou o topo da tabela de tempos ainda no período da manhã. Com pneus hipermacios, os mais velozes fornecidos pela Pirelli, o alemão anotou 1min17s182, o tempo mais rápido das duas semanas de testes e o novo recorde não oficial do Circuito da Catalunha. Além disso, Vettel surpreendeu ao acumular 188 voltas. A distância equivale a quase três GPs da Espanha, que é disputado no mesmo circuito.
Enquanto a Ferrari liderava, a Mercedes testava a confiabilidade dos seus carros em simulações de corrida. Assim, o britânico Lewis Hamilton e o finlandês Valtteri Bottas não passaram do oitavo e do nono lugares, respectivamente. A Red Bull, que liderou a sessão de quarta-feira com o australiano Daniel Ricciardo, também ficou longe dos líderes. O holandês Max Verstappen não passou do 12º lugar.
Sem a Mercedes e a Red Bull, o dinamarquês Kevin Magnussen despontou na segunda colocação desta quinta-feira, com o tempo de 1min18s360. O piloto da Haas ficou à frente de outra surpresa do dia, o francês Pierre Gasly, da Toro Rosso. Ele foi o terceiro mais veloz, com 1min18s363, e 168 voltas. Ambos usaram pneus hipermacios.
Os pilotos voltam à pista nesta sexta-feira para encerrar a segunda semana de testes, colocando fim à pré-temporada. Depois disso, os carros só retornarão à pista nos treinos do GP da Austrália, primeira prova do ano, no dia 25 deste mês, em Melbourne.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia