Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 14 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado de Capitais

Notícia da edição impressa de 15/03/2018. Alterada em 14/03 às 22h37min

Corretora de bitcoin perde R$ 1 mi com saques duplos

Os donos da corretora de criptomoedas brasileira Foxbit, que na última sexta-feira perdeu cerca de 30 bitcoins - em torno de R$ 1 milhão - com saques duplicados em contas correntes de investidores, descartaram que o motivo da falha tenha sito um ataque de hackers.
Em videoconferência, Guto Schiavon e João Canhada afirmaram que o problema no sistema já foi solucionado, mas não souberam explicar a causa. "Foi uma falha no sistema e não houve ataque de hacker", diz Schiavon.
Considerada a maior corretora de bitcoins do Brasil, com 400 mil clientes, a Foxbit vai permanecer fora do ar até o dia 26 de março. Os investidores poderão sacar os valores depositados ou mantidos em custódia na corretora. O resgate do saldo poderá ser feito em reais e em bitcoins a partir de hoje.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia