Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 05 de março de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

CORRIGIR

combustíveis

Alterada em 05/03 às 17h46min

Sindigás: Petrobras anunciará queda entre 4,1% e 4,4% para o GLP industrial

O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) informou nesta segunda-feira que a Petrobras vai reduzir o GLP Industrial em 4,1% e 4,4%, dependendo do polo de suprimento, a partir de terça-feira.
De acordo com o Sindigás, apesar da queda, o combustível ainda ficará 27,24% acima da paridade de importação e 29,52% mais caro do que o gás comercializado em embalagens de até 13 kg (gás de cozinha).
"A entidade reforça que a falta de uma política de preços para o GLP empresarial faz persistir essa diferença de preços entre o GLP residencial e o empresarial e, ainda, o ágio cobrado pela Petrobras em relação ao preço praticado no mercado internacional para o produto", informou a entidade em nota.
Em fevereiro a estatal já havia reduzido o preço do GLP Industrial em 4,6%.
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia